VISITA

Comandante da Aeronáutica encontra-se com historiador italiano

Giovanni Sulla é entusiasta da Força Expedicionária Brasileira e autor de livros sobre a participação do Brasil na Segunda Guerra Mundial
Publicado: 20/11/2019 19:28
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Tenente Jonathan Jayme
Edição: Agência Força Aérea - Revisão: Tenente-Coronel Santana

O Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, recebeu, nesta quarta-feira (20), a visita do historiador italiano Giovanni Sulla. O pesquisador é autor de livros como “Os heróis vindos do Brasil” e “Do Brasil a Montese”, bem como de documentários como “Fogo sobre a Montanha” e “A sutil linha brasileira”, produções que tratam, principalmente, da participação brasileira na Segunda Guerra Mundial.

A visita, na perspectiva do Tenente-Brigadeiro Bermudez, é de grande importância para o Comando da Aeronáutica, pelo fato do historiador ser um entusiasta da Força Expedicionária Brasileira (FEB). “Giovanni Sulla é um dos grandes propagadores do heroísmo dos nossos militares. Suas obras reconhecem e eternizam a história daqueles que lutaram em nome da paz”, completou.

O historiador enalteceu os eventos que serão realizados na Itália, por ocasião da comemoração dos 75 anos da chegada das tropas brasileiras à Europa. “Adoro o Brasil pelo bem que fez à população italiana durante a Segunda Guerra. Os pilotos da FAB foram valentes e combateram bravamente. Seremos eternamente gratos a todos os brasileiros”, concluiu.

Foto: Soldado Thallys Amorim / CECOMSAER