HOMENAGEM

Comandante da Aeronáutica recebe medalha do Estado de São Paulo

A cerimônia de imposição foi realizada nesta terça-feira no Monumento Obelisco Mausoléu aos Heróis de 32
Publicado: 09/07/2019 18:50
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Tenente Emília Maria
Edição: Agência Força Aérea - Revisão: Capitão Landenberger

O Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, foi agraciado, nesta terça-feira (9/7), com a Medalha “Sargento João da Costa Machado - Herói de 32”. A imposição da comenda foi realizada pelo Governador em exercício do Estado de São Paulo, Rodrigo Garcia, em cerimônia realizada no Monumento Obelisco Mausoléu aos Heróis de 32, no Parque do Ibirapuera.

A medalha, que também foi recebida por outros militares da Força Aérea Brasileira (FAB), está relacionada à Revolução Constitucionalista de 1932, considerada uma das datas mais importantes da história do Estado de São Paulo. Entre os agraciados estavam o Chefe do Estado-Maior da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos Augusto Amaral Oliveira; o Secretário de Economia, Finanças e Administração da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Marcelo Kanitz Damasceno; e o Comandante-Geral do Pessoal da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Luis Roberto do Carmo Lourenço.

"É com muita honra que recebo esta medalha, representando os integrantes da Força Aérea Brasileira. Essa deferência demonstra o reconhecimento do Estado de São Paulo ao trabalho de todas as Unidades da FAB aqui sediadas", disse o Comandante da Aeronáutica.

O Governador em exercício falou sobre o significado da solenidade que é realizada anualmente no dia 9 de julho. “Essa data reforça o compromisso que São Paulo sempre teve com a democracia e o respeito à lei e à Constituição”, destacou Rodrigo Garcia.

Durante a cerimônia foram prestadas homenagens aos integrantes e combatentes do Exército Constitucionalista, com declamação da "Oração Ante a Última Trincheira", salva de tiros e cerimônia simbólica de sepultamento dos heróis homenageados. Após, foi realizado o desfile cívico-militar com participação das Forças Armadas, Forças Auxiliares e entidades civis.

A condecoração

A medalha honra o nome do Sargento João da Costa Machado, participante da Revolução Constitucionalista de 1932, e tornou-se uma condecoração oficial do Estado de São Paulo. A honraria tem como objetivo distinguir militares e civis que prestaram relevantes serviços às Forças Armadas Brasileiras, ao Governo do Estado de São Paulo, à sociedade paulista e outras entidades.

Fotos: Sargento Bianca Viol/CECOMSAER

imagens/original/38827/190709BIA3492_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA3511_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA6997_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA7117_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA7125_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA7148_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA7299_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA7316_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA7362_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA3589_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA3612_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA3600_Bianca_Viol.jpg
imagens/original/38827/190709BIA3621_Bianca_Viol.jpg