ESPORTE

Doze novos esportistas são incorporados ao Programa de Atletas de Alto Rendimento

Atletas passam a compor equipe que se prepara para os VII Jogos Mundiais Militares
Publicado: 26/02/2019 19:00
Imprimir
Fonte: CDA, por Tenente Mateus
Edição: Agência Força Aérea, por Tenente Jonathan Jayme - Revisão: Capitão Landenberger

Deslocamento para o exercício de CampoA Força Aérea Brasileira (FAB) incorporou, na quinta-feira (21/02), a 5ª Turma do Programa de Atletas de Alto Rendimento das Forças Armadas (PAAR). Doze novos militares passam a compor a equipe que se prepara para os VII Jogos Mundiais Militares do Conselho Internacional do Esporte Militar (CISM, na sigla em em inglês), que será realizado na cidade de Wuhuan, na China, em outubro. A cerimônia de incorporação foi realizada na Comissão de Desportos da Aeronáutica (CDA), localizada no Campo dos Afonsos, no Rio de Janeiro (RJ).

A Turma é composta por esportistas das modalidades de Atletismo, Basquete, Ciclismo, Judô, Life Saving e Pentatlo Aeronáutico. Ao longo de três semanas, eles participaram do Estágio de Adaptação de Atletas. O curso tem como objetivo adaptá-los à vida militar e é composto por instruções de regulamento militar, Código Penal Militar, ordem unida, treinamento físico militar, treinamento de mídia e exercício de campanha. Participaram, ainda, outros 18 atletas de turmas anteriores do programa, com o objetivo de manter a operacionalidade dos integrantes.

Palavras do presidente da CDA"A CDA foi investida com a nobre missão de lapidar, com os conhecimentos e valores da caserna, aqueles que se dispõem a ingressar neste lendário Campo dos Afonsos com o propósito de, por meio do esporte, engrandecer o nome da Força Aérea e do Brasil", destacou o Presidente da CDA, Brigadeiro Intendente José Jorge de Medeiros Garcia.

A Sargento Mariana Spierr Laporte destaca a importância da iniciativa para o desenvolvimento do atleta de alto rendimento. “Esse projeto é muito importante, pois a Força Aérea nos dá todo o suporte para continuar treinando e conquistando vitórias. Estou focada para conseguir um bom desempenho nos Jogos Mundiais Militares de outubro”, diz.

Aula de Mídia TrainingJogos Mundiais

O Brasil participará com aproximadamente 400 atletas que competirão por medalhas em 31 modalidades nos Jogos Mundiais Militares do CISM. Para esses esportistas, a competição internacional é uma das mais importantes etapas na preparação dos atletas brasileiros para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

Fotos: Tenente Mateus e Soldado G. Menezes / CDA