SOLIDARIEDADE

Você era a gota que faltava: Comando-Geral do Pessoal realiza doação de sangue

Militares da Ala 2, em Anápolis, também reforçaram os bancos de sangue do Hemocentro de Goiás
Publicado: 16/02/2018 09:00
Imprimir
Fonte: Ala 2, por Tenente Bárbara, e COMGEP
Edição: Agência Força Aérea, por Tenente João Elias Revisão: Ten Gabrielli/Maj Peçanha

 O Comando-Geral do Pessoal (COMGEP) realizou uma nova etapa da Campanha "Você era a gota que faltava. Doe sangue. Doe vida!", no dia 07 de fevereiro. Ao todo, 29 militares de diversas unidades lotadas na capital federal, como a Odontoclínica de Aeronáutica de Brasília (OABR), o Gabinete do Comando da Aeronáutica (GABAER) e a Comissão Coordenadora do Programa Aeronave de Combate (COPAC) compareceram voluntariamente à Fundação Hemocentro de Brasília (DF) para fazer sua doação.

A campanha começou em agosto do ano passado e é realizada toda segunda quarta-feira do mês. Até dezembro, 160 militares e civis da Guarnição de Brasília fizeram a doação. "Este ano, o COMGEP iria reiniciar a campanha em março, mas recebemos um pedido extra do Hemocentro para que a campanha fosse realizada em fevereiro, porque o estoque deles estava muito baixo e esse período é muito complicado para o Hemocentro", explicou o Comandante-Geral do Pessoal, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez. A responsável do Comando da Aeronáutica junto ao Hemocentro é a servidora civil Merle Sandra Rizzo. Segundo ela, a próxima doação será no dia 14 de março.

A Fundação Hemocentro de Brasília atende, ao todo, 21 hospitais públicos do Distrito Federal e funciona regularmente de segunda a sábado, das 7h às 18h. A doação dura, aproximadamente, uma hora. O voluntário deve ter entre 16 e 69 anos e, além disso, não pode estar doente nem fazendo uso de medicamentos, deve estar bem alimentado, levar um documento com foto, evitar atividades físicas nas últimas 12 horas, evitar bebidas alcoólicas e cigarro duas horas antes e depois.

Na Ala 2, 60 militares doaram sangue

Cerca de 60 militares do efetivo da Ala 2, em Anápolis (GO), se mobilizaram para doar sangue e aumentar o estoque do Hemocentro de Goiás (HEMOGO), no dia 06 de fevereiro. Devido ao número de doadores, o Hemocentro disponibilizou um veículo de coleta que se deslocou até a Organização Militar.

Desde novembro do ano passado, a Ala 2 tem estimulado seus militares a doar sangue por meio de uma iniciativa do Serviço Social da organização. O sucesso da ação fez com que o Hemocentro solicitasse a colaboração da Organização Militar antes do período de carnaval, momento em que há baixa de estoque.

"É muito importante para nós essa ajuda, há muita solicitação de sangue nessa época. Hoje estamos aqui doando, mas amanhã pode ser nós que precisaremos”, ressalta a enfermeira do Hemocentro de Goiás Lucilene Francelina Ferreira, coordenadora da ação na Ala 2.

Um dos militares que fizeram a doação foi o Sargento Welinton Corrêa de Andrade. “Eu acredito que doar sangue é muito importante porque, com isso, salvamos vidas. Tem muita gente precisando de sangue e, se estamos saudáveis e não vai nos fazer falta, por que não doar?”, questiona.

O Hemocentro atende a toda rede pública do Estado de Goiás e até mesmo a rede particular quando é necessário.