ORDEM DO DIA

Dia da Bandeira

Data é celebrada em 19 de novembro
Publicado: 19/11/2017 00:15h
Imprimir
Fonte: GABAER

Há exatos 128 anos, quatro dias após a Proclamação da República, o Brasil estabelecia os atuais distintivos do seu maior símbolo de perpetuidade e integridade perante às demais nações, a Bandeira Nacional.

Retratava-se neste pavilhão, não apenas o céu da cidade do Rio de Janeiro, visto no dia 15 de novembro de 1889 e representado pela disposição de suas estrelas, mas também, o sentimento nacionalista e patriótico que surgia, agregado à simbologia do regime republicano.

A variação de cores, que muito bem traduz a grandiosidade de nossas riquezas naturais, já antevia a formação de uma nação com notável diversidade cultural e com enorme disposição para manutenção da paz.

Nesse contexto, o Comando da Aeronáutica, diariamente, cultua o Pavilhão Nacional, não somente através da continência prestada durante suas cerimonias militares, mas da mesma forma, por meio de suas atividades e de suas ações institucionais.

No controle do tráfego aéreo, nos 22 milhões de quilômetros quadrados sob sua responsabilidade, na defesa da soberania do espaço aéreo brasileiro, ou na integração dos mais longínquos rincões deste país, a Força Aérea Brasileira denota o seu incontestável respeito ao lema “Ordem”.

Da mesma forma, o “Progresso” fica evidenciado no avanço tecnológico dos projetos estratégicos Gripen NG e KC-390, bem como, no Programa Espacial, que serão marcos da indústria nacional e do desenvolvimento nos mais variados segmentos de nossa sociedade.

A reestruturação institucional também representa um enorme avanço, com a otimização da operacionalidade e da produtividade, alcançando assim, o nível exigido pela nação brasileira, ainda que, utilizando somente os meios possíveis que os novos tempos nos apresentam.

Destarte, neste dia de celebração, conclamamos todos a reverenciarmos nosso pendão, o “querido símbolo da terra, da amada terra do Brasil!”.



Brasília, 19 de novembro de 2017.


Tenente Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato
Comandante da Aeronáutica