VOO 1907

Livro relata a maior operação de busca e resgate realizada no Brasil

“Ninguém ficou para trás” será lançado nesta quinta-feira (29/09) em Brasília
Publicado: 28/09/2016 09:00
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Ten Jussara Peccini

Um telefonema em 29 de setembro de 2006 mobiliza quem viria a ser o comandante da maior operação de busca e resgate já realizada no Brasil. Foi também com um telefonema que, 54 dias depois, oficialmente, a missão foi encerrada com a comprovação de que a 154ª vítima do voo 1907 tinha sido identificada.

O livro reportagem “Ninguém ficou para trás” da jornalista e professora universitária Maria Tereza Kersul, que será lançado em Brasília (DF), nesta quinta-feira (29/09), narra, dez anos depois, os acontecimentos que marcaram cada dia da operação realizada na Serra do Cachimbo, na divisa entre os estados de Mato Grosso e Pará.

“Agora que passou a emoção, vê-se a importância de todo esse trabalho de equipe, do patriotismo, da questão da persistência. Eu queria mostrar para o grande público como foi feito esse intenso trabalho”, explica a autora.

A obra relata a mobilização de 800 profissionais de mais de 50 instituições. No meio da selva amazônica, os militares da FAB, especialmente os resgateiros do PARA-SAR - primeiros a chegar para o resgate – enfrentaram toda espécie de adversidade. Em 12 dias, os corpos de 153 vítimas haviam sido resgatados. Mas faltava um.

As 160 páginas e mais de 40 imagens são resultado de quase dez meses de trabalho. A linha condutora do livro reportagem são as memórias do irmão, Major-Brigadeiro da Reserva Jorge Kersul Filho, que à época comandou a operação, fundamentadas em documentos que registraram a operação do ponto de vista logístico, midiático e operacional.

Mas são as entrevistas realizadas com cerca de 25 envolvidos no trabalho – que ocorreu entre 29 de setembro e 21 de novembro de 2006 –, e três famílias de vítimas, que revelam o lado humano de quem dedicou-se intensamente para poder entregar os despojos às famílias. “Foi emocionante realizar este projeto. Todos [os entrevistados] se emocionaram muito ao reviver uma série de lembranças”, recorda.

Sobre a autora

Maria Tereza Kersul é jornalista e professora universitária. Mestre em Comunicação e Práticas de Consumo pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM/SP). Graduada em Jornalismo pela Faculdade de Comunicação Social Cásper Líbero (SP) e pós-graduada em Marketing pela ESPM. Consultora nas áreas de Marketing e Comunicação Empresarial.