SEGURANÇA DE VOO

Curso de Prevenção na Aviação Agrícola acontece na área do V COMAR

Objetivo é disseminar conhecimentos sobre a prevenção
Publicado: 21/07/2016 14:00
Imprimir
Fonte: SERIPA V
Edição: Agência Força Aérea, por Ten Emília Maria

Começa na próxima segunda-feira (25/07), em Canoas-RS, o Curso de Prevenção de Acidentes Aeronáuticos – Aeroagrícola, que será realizado pelo Quinto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA V). Serão duas semanas de palestras e atividades práticas voltadas para a segurança da Aviação Agrícola.

O objetivo do curso é disseminar conhecimentos sobre a prevenção, bem como as normas do Sistema de Prevenção e Investigação de Acidentes Aeronáuticos (SIPAER), visando formar novos profissionais para atuar como elemento credenciado na Aviação Agrícola. Para receber a credencial, o candidato deve ter, no mínimo, 75% de aproveitamento do curso.

Durante as aulas, serão ministradas palestras sobre temas relacionados ao gerenciamento do risco na atividade aérea, manutenção de aeronaves, elaboração de relatórios, aspectos jurídicos no acidente aéreo, desempenho, peso e balanceamento de aeronaves, combustíveis e lubrificantes, utilização de agrotóxicos e outros.

Além das palestras teóricas, o curso também prevê a realização de atividades práticas como a vistoria de segurança de voo, com a verificação da atividade em campo e a realização de relatórios específicos. Os participantes também realizarão atividades relacionadas ao RELPREV (Relatório de Prevenção), desde o preenchimento e seu encaminhamento adequado.

O evento, que acontece dentro da área do Quinto Comando Aéreo Regional (V COMAR), terá a participação de gestores, pilotos, colaboradores de empresas e técnicos que atuam no segmento aeroagrícola.

O curso de prevenção para a Aviação Agrícola surgiu em 2009, diante da necessidade de inúmeras demandas do segmento. Foram mapeados pelos investigadores os principais problemas que afetam diretamente os aeroagrícolas, contemplando uma pauta específica. Em 2015, o curso passou a fazer parte do calendário anual de capacitação do CENIPA.