NOTAER

Educação financeira ajuda no aprimoramento profissional

Saiba como poupar dinheiro no período da capacitação
Publicado: 14/05/2016 08:00
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Ten Raquel Sigaud

  No mercado do futuro, haverá profissionais com diversas especializações e fontes de renda. É o resultado da grande corrida atual por capacitação, seja por incentivo de empresas ou por conta própria.

Faculdade, pós-graduação, idiomas, cursos técnicos. Investir em capacitação significa mais retorno financeiro e melhor padrão de vida no futuro. E é possível conquistar sonhos de capacitação profissional com a ajuda da educação financeira.

Segundo o mestre em Educação Financeira e Presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin), Reinaldo Domingos, é preciso fazer uma “faxina no orçamento” e identificar quanto dinheiro há disponível para investir nos estudos. “Faça um diagnóstico por trinta dias, para conhecer o salário líquido e todos os gastos, já prevendo a mensalidade que será paga. Se o orçamento for favorável, ótimo. Se não, basta alguns ajustes, alguns sacrifícios para sobrar o valor dos estudos”, sugere.

Reinaldo enfatiza que é fundamental incluir a família em todo planejamento financeiro. “Os grandes gastos estão na célula família. Ela precisa se unir na mudança de comportamento e no senso de priorização para conseguir readequar o orçamento”.

Algumas pessoas recorrem ao financiamento estudantil, mas Reinaldo alerta que o melhor caminho é fazer auto-investimento e ficar livre de dívidas no futuro. “Dez por cento da nossa renda devem ser investidos em educação própria, pois a capacitação profissional precisa ser contínua”.

Para se capacitar e conquistar sonhos, como realização profissional e renda maior, será preciso lidar com menos recursos temporariamente. Educação financeira é isso: planejar-se para realizar sonhos, investir nas competências e habilidades pessoais, realizar-se no trabalho e ser feliz.

Educação a distância e com desconto para militares é uma opção - A Segundo Sargento Eliciane Eustachio, controladora de tráfego aéreo do CINDACTA 1, em Brasília, formou-se tecnóloga em Gestão Pública e bacharel em Administração pela Unisul Virtual, depois de quatro anos de dedicação no ensino a distância. “Como trabalho por escala, escolhi curso online por conta da flexibilidade de horários, além do custo menor em relação aos cursos presenciais”, explica a militar. Ela conheceu a Unisul Virtual por indicação de colegas. “Descobri que sou disciplinada para estudar a distância. Valeu o investimento”, afirma.

A liberdade para montar a grade de disciplinas de acordo com a disponibilidade de horários e de recursos também é uma vantagem que o Terceiro Sargento Marcus Douglas, controlador de tráfego aéreo do CINDACTA III, no Recife, atribui aos cursos a distância. “Ganhei tempo, economizei combustível e aprendi a ter mais responsabilidade, principalmente correr atrás e pesquisar sozinho”, afirma o militar da FAB que se formou em Ciências Aeronáuticas pela Unisul Virtual, em 2015. Atualmente, ele faz pós-graduação em Inteligência Estratégica, presencialmente, em outra instituição de ensino.

Oportunidade - A Unisul (Universidade do Sul de Santa Catarina) oferta cursos superiores de graduação, pós-graduação latu e stricto-sensu, mestrado e doutorado. Pela UnisulVirtual, começaram a ser ofertados, em todo o Brasil, cursos superiores de bacharelado, licenciatura, tecnólogos e pós-graduação, na modalidade.

Militares da Aeronáutica e seus dependentes conseguem 20% de desconto nas mensalidades durante todo o curso. Atualmente, há 162 militares da FAB matriculados em cursos de graduação e quatro em cursos de pós-graduação. Até o ano passado, 232 militares da FAB se formaram na Unisul Virtual. Caso tenha interesse, acesse: www.unisul.br.

Dicas para poupar dinheiro durante período de capacitação - O educador financeiro Reinaldo Domingos mostra pequenas ações que fazem o dinheiro sobrar:

Economize o máximo possível em papel e cadernos, use material de outros anos que tenham folhas em branco e transforme folhas usadas em rascunho;

Em função do grande volume de texto para ler, é interessante formar grupo de estudos com colegas. Também é importante pegar livros em bibliotecas;

Não deixe de aproveitar as “baladas” e confraternizações, mas selecione as que realmente valem a pena e são econômicas, como reuniões e encontros caseiros.

Busque revezar ou dividir o carro com o maior número de pessoas;

Tenha uma reserva no fim do mês, para imprevistos financeiros;

Busque um estágio remunerado, além de ser bom para o currículo, o dinheiro poderá ser usado para reduzir custos com a mensalidade e outros gastos;

Peça desconto nas mensalidades;

Evite comer fora com frequência, cozinhar é uma solução econômica e relaxante.

Veja esta e outras matérias no NOTAER