MISSÃO DE PAZ

Militares treinam para exercer comando no Haiti

Os militares irão compor o Batalhão de Infantaria de Força de Paz, a Companhia de Engenharia de Força de Paz e o Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais Haiti
Publicado: 02/02/2015 13:49
Imprimir
Fonte: CCOPAB

  Quarenta e dois militares da Marinha, do Exército e da Força Aérea concluíram nesta sexta-feira (30/01) o Estágio de Preparação de Comandantes e Estado-Maior (EPCOEM), em preparação para o 22° contingente brasileiro para Missão de Estabilização do Haiti. O estágio é realizado pelo Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB), localizado no Rio de Janeiro (RJ).

O estágio envolveu instruções sobre a Polícia Nacional Haitiana, logística das Nações Unidas e regras de engajamento, esta última sobre o uso da força no contexto da missão de paz. Também foi realizado o Exercício de Posto de Comando, quando foi praticada a capacidade de resposta dos Comandantes e Oficiais a situações típicas da missão.

Os 42 militares irão compor o Batalhão de Infantaria de Força de Paz, a Companhia de Engenharia de Força de Paz e o Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais Haiti.

Tradurores
O CCOPAB também concluiu na sexta-feira o Estágio de Tradutores e Interpretes, com a participação de 14 militares. Eles também irão atuar no 22° contingente brasileiro no Haiti.