SEMINÁRIO

UNIFA participa de palestras sobre ciência política e relações internacionais

Publicado: 22/05/2014 09:30
Imprimir
Fonte: UNIFA

A Universidade da Força Aérea  divulgação unifa (UNIFA) participou do Seminário de Coordenadores de Área de Ciência Política e Relações Internacionais em abril. O evento, realizado no campus da Universidade de São Paulo (USP), teve o objetivo de promover a discussão e o aprimoramento dos programas de Ciência Politica (CP) e Relações Internacionais (RI). Além disso, o seminário buscou integrar as demandas sobre internacionalização dos programas de CP e RI, além de aprimorar a produção técnica, a avaliação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e troca de experiências.

Para o Pró-reitor de Ensino da UNIFA, Coronel Intendente Carlos Alberto Leite da Silva, o seminário é um evento importante para a instituição. “A universidade desenvolve o Mestrado Profissional em Ciências Aeroespaciais com atividades de ensino e pesquisa sobre o emprego do poder aéreo, relações entre Estados e Pensamento Estratégico, por isso o intercâmbio de informações é importante”, ressaltou.
 
O seminário apresentou a oportunidade para instituições de ensino e pesquisa relacionadas com Segurança e Defesa de ampliar a inserção de temas relacionados com esta subárea nas atividades acadêmicas da CP e RI. O evento contou com a presença de representantes da UNIFA, Escola de Guerra Naval (EGN), Escola de Comando e Estado-Maior do Exército (ECEME), Universidade Federal Fluminense (UFF), Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

Essas instituições desenvolvem atividades acadêmicas relevantes para os estudos estratégicos, através dos fóruns da Associação Brasileira de Estudos de Defesa (ABED), Associação Nacional de Ciência Política (ANPOCS), Associação Brasileira de Relações Internacionais (ABRI), Encontro Nacional de Estudos Estratégicos (ENEE) e o Seminário sobre Poder Aeroespacial, desenvolvido anualmente pela UNIFA, entre outros.

Estavam presentes, ainda, representantes de instituições na área de Ciência Política e Relações Internacionais, como a Universidade de São Paulo (USP), a Universidade de Campinas (UNICAMP), a Pontificia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC MINAS), a Pontificia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC RIO), a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e a Universidade de Brasília (UNB).