TREINAMENTO

IMAE capacita profissionais para defesa química, biológica, radiológica e nuclear

Publicado: 29/11/2013 15:25
Imprimir
Fonte: Comunicação Social do IMAE

O Instituto  de Medicina Aeroespacial Brigadeiro Médico Roberto Teixeira (IMAE), localizado no Rio de Janeiro, realizou de 25 a 28 de novembro o Curso de Capacitação de Saúde em Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear (1° CCS-DQBRN). O objetivo foi capacitar a equipe de médicos e enfermeiros do Instituto para atuar no atendimento pré-hospitalar de vítimas de agentes da natureza QBRN, sigla para química, biológica, radiológica e nuclear. Durante os trabalhos, além da preocupação com traumas e outras condições ameaçadoras à vida, os profissionais do IMAE podem estar diante de condições letais, como os agentes QBRN.

O treinamento é também utilizado para o enfrentamento de atos hostis em grandes eventos, como a Copa do Mundo de Futebol e as Olimpíadas, visando a capacitação para identificação e manejo de materiais perigosos.

Cerca de 30 profissionais participaram do curso, que abordou temas como fundamentos QBRN, gerenciamento de crise, detecção, descontaminação, abordagem de vitimas, triagem QBRN, entre outros. Segundo especialistas, a ameaça QBNR tem se mostrado ativa e em constante evolução. Nos dias atuais, ela representa uma das principais armas de ações terroristas com o uso de “bombas sujas” e emprego de agentes de risco.

O Instituto teve o apoio do Centro Tecnológico do Exército (CTEx), Batalhão DQBRN do Exército Brasileiro e do Centro de Adestramento Almirante Marques Leão (CAAML), que auxiliaram o curso através dos equipamentos de proteção individual (EPI) e equipamentos de detecção e identificação.