EDUCAÇÃO

Alunos da EPCAR são destaque em Desafio Nacional Acadêmico

Publicado: 12/07/2013 14:36
Imprimir
Fonte: EPCAR

Ten Brig Nôro realiza entrega de certificado  2S BFT DiegoEstimular a criatividade, o raciocínio lógico e o trabalho em equipe são alguns dos pontos trabalhados pelos participantes do Desafio Nacional Acadêmico (DNA). O teste virtual de conhecimentos, desenvolvido pelo Projeto Nacional de Educação a Distância, é considerado o maior desafio de conhecimentos realizado pela internet. O evento contou com a participação de dez alunos da Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR) e alunos de outras 700 instituições de Ensino Fundamental e Médio de todo país.

Pelo 5º ano consecutivo, os alunos foram convidados a responder perguntas em áreas como história, tecnologia, esportes, música e idiomas, além da realização de tarefas como a elaboração de um texto sobre os movimentos populares que ocorrem atualmente no Brasil, a foto em um ponto histórico da cidade e a construção de uma maquete do Congresso Nacional. “As tarefas permitem perceber como é importante o trabalho em equipe, além de testar nossa capacidade de criar respostas criativas”, avalia o aluno Victor Raposo Abden Nabi.

Na edição de 2013, as equipes representantes da EPCAR conquistaram posições de destaque. Os cinco alunos do 3º Esquadrão obtiveram o 2º lugar em Minas Gerais e 19º colocação no ranking nacional. Estreando na competição, os cinco alunos do 1º Esquadrão garantiram o 2º lugar no estado mineiro e a 28º colocação entre os outros 700 grupos inscritos.

A entrega de certificados aos alunos participantes aconteceu na quarta-feira (10/07) com a presença Diretor-Geraldo Departamento de Ensino da Aeronáutica (DEPENS), Tenente-Brigadeiro do Ar Dirceu Tondolo Nôro. De acordo o oficial-general, iniciativas como esta devem ser incentivadas. "Fazer com que os alunos do ensino médio participem de forma competitiva de eventos como este, em que se vivencia os conhecimentos adquiridos ao longo de sua formação, é um ótimo estímulo ao fortalecimento do perfil militar”.