OPERAÇÃO COVID-19

Militares da FAB realizam doação de sangue em todo País

Doações fazem parte da campanha Você era a gota que faltava. Doe Sangue. Doe Vida!
Publicado: 29/09/2020 18:32
Imprimir
Fonte: CPORAER-SJ, DCTA, HAAF, HABE, HFAB e PAMA-GL
Edição: Agência Força Aérea, por Tenente Fraga - Revisão: Major Monteiro

Neste mês de setembro, a Força Aérea Brasileira (FAB) promoveu voluntariamente dentro das suas Organizações Militares mais uma fase da Campanha Permanente de Doação de Sangue com o lema "Você era a gota que faltava. Doe sangue. Doe Vida!". O objetivo é incentivar os militares, civis e dependentes para a doação de sangue, especialmente dentro do atual cenário de combate ao novo Coronavírus e em razão das necessidades constantes de abastecimento dos hemocentros de todo o Brasil.

HABE

Em Belém (PA), os voluntários compareceram à Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (HEMOPA) para fazer a doação. Em apenas dois dias, o HEMOPA contabilizou cerca de 40 doadores – sendo que dois militares também se cadastraram no Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (REDOME).

A ação realizada é uma extensão da Campanha Nacional de Doação de Sangue da FAB em referência à Semana da Pátria. O Comandante da Ala 9, Brigadeiro do Ar Leonardo Chaves Rodrigues, foi um dos voluntários a doar sangue. “Essa campanha é fundamental para preservar a vida. Com o nosso efetivo participando voluntariamente, contribuímos com o HEMOPA e com a saúde da sociedade paraense”, destacou.

Para o Presidente do HEMOPA, Paulo Bezerra, a campanha fortalece mais uma vez a parceria existente entre o Hemocentro e a Aeronáutica. “A participação dos militares da FAB com essa doação e conscientização demonstra a importância do ato de doação de sangue para valorização da vida”, disse.

HFAB

Em Brasília (DF), o Hospital de Força Aérea de Brasília (HFAB) e outras Organizações Militares sediadas na capital federal também participaram da campanha, nos dia 16 e 17 deste mês. Os contatos foram firmados com o Hemocentro de Brasília que disponibilizou condução, agendamento e todo o apoio necessário para a viabilização da ação.

O Diretor Executivo do Hemocentro de Brasília, Alexandre Nonino, mencionou que o apoio de instituições religiosas, órgãos e entidades públicas, além das Forças Armadas, são essenciais para a manutenção dos estoques. ”Antes e durante a pandemia, o apoio dos integrantes da Aeronáutica, da Marinha e do Exército tem sido permanente. É um privilégio podermos contar com a colaboração deles para que possamos cumprir nossa missão com êxito e nunca deixar quem precisa esperando”, enfatizou.

PAMA-GL

No dia 16 de setembro, o Parque de Material Aeronáutico do Galeão (PAMA-GL), apoiou a campanha “Você era a gota que faltava. Doe Sangue. Doe Vida!”, ação coordenada pela Diretoria de Saúde da Aeronáutica (DIRSA), em comemoração à Semana da Pátria.

A coleta foi realizada pela equipe da Seção de Hemoterapia do Hospital de Aeronáutica dos Afonsos (HAAF), onde se localiza o Banco de Sangue da FAB no Rio de Janeiro. Os militares da Guarnição Aeronáutica do Galeão compareceram voluntariamente ao PAMA-GL para fazer a doação, especialmente neste período de enfrentamento à pandemia da COVID-19.

O Diretor do PAMA-GL, Brigadeiro Engenheiro Alexandre Arthur Massena Javoski, ressaltou a relevância do evento. “A campanha superou as nossas expectativas. Ação como esta fomenta a solidariedade e o patriotismo dos nossos militares além de ajudar a salvas muitas vidas", afirmou.

HAAF

Com um total de 177 doadores voluntários na cidade do Rio de Janeiro,  a campanha “Você era a gota que faltava. Doe Sangue. Doe Vida” cumpriu o objetivo, que foi além da captação de bolsas de sangue, pois possibilitou enfatizar a importância que um simples gesto de solidariedade tem no âmbito social.

Com a divulgação e a motivação que a campanha gerou no efetivo das diversas Organizações Militares da FAB, foi possível contar com a colaboração de pessoas que já possuíam o hábito de realizar rotineiramente doações de sangue, como também alcançar novos doadores e otimizar contatos para futuras parcerias, fazendo com que o impacto positivo gerado pela campanha se perpetue ao longo do tempo.

No Rio de Janeiro, os militares puderam realizar as doações no Hemocentro do Rio de Janeiro (HEMORIO) e, também, no Banco de Sangue, localizado no Hospital de Aeronáutica dos Afonsos, sendo este o único Banco de Sangue da FAB que realiza os procedimentos de triagem, coleta de sangue de doadores voluntários e preparo dos hemocomponentes para a transfusão, a fim de atender a demanda dos Hospitais de Aeronáutica localizados no Rio de Janeiro.

DCTA

Nos dias 16 e 17 de setembro, o Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) reuniu militares voluntários do seu efetivo para realizar a doação de sangue no Hemocentro de São José dos Campos (SP). A iniciativa também faz parte da Campanha de Doação de Sangue permanente da FAB, que tem como lema "Você era a gota que faltava. Doe sangue. Doe Vida!". 

Ao todo, 99 militares do DCTA foram voluntários para a doação. “Doar é um ato de amor. Fico contente com essa experiência em poder contribuir, de alguma forma, com aqueles que mais precisam”, declarou a Sargento Márcia Bacchiega Figueiredo, que doou sangue pela primeira vez.

Para o Coordenador do Setor de Captação de Doadores do Hemocentro de São José dos Campos, Paulo Pontes, há uma busca constante de reforçar o sentimento de solidariedade nas pessoas. “O que buscamos trabalhar aqui é a doação voluntária, ou seja, a conscientização do doador. A doação de sangue é um ato de responsabilidade social, então o que precisamos é engajar cada vez mais a população”, ressalta.

CPORAER-SJ

No dia 17 de setembro, o Centro de Preparação de Oficiais da Reserva da Aeronáutica (CPORAER-SJ), também participou da campanha de Doação Voluntária de Sangue, no Serviço de Hematologia e Hemoterapia de São José dos Campos.

“Este gesto, fez com que o CPORAER-SJ desempenhasse um papel fundamental, pois seus militares, em ato de grandeza e patriotismo, se predispuseram à doação e assim incentivaram potenciais doadores”, declarou o Comandante CPORAER-SJ,  Tenente-Coronel de Infantaria Antonio Fernandes Filho.  

Fotos: CPORAER-SJ, DCTA, HAAF, HABE, HFAB e PAMA-GL