NOTIMP - NOTICIÁRIO DA IMPRENSA

Capa Notimp Acompanhe aqui o Noticiário relativo ao Comando da Aeronáutica veiculado nos principais órgãos de comunicação do Brasil e até do mundo. O NOTIMP apresenta matérias de interesse do Comando da Aeronáutica, extraídas diretamente dos principais jornais e revistas publicados no país.


JORNAL DO COMMERCIO (PE)


Fernando Bezerra apresenta emenda ao Orçamento para garantir recursos para transposição


Jamildo Publicada Em 30/06/2018 - 10h50

Nesta semana que passou, o vice-líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), apresentou emenda ao projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO/2019) com o objetivo de estabelecer metas e prioridades na LDO do próximo ano, garantindo recursos à construção da primeira etapa do Sistema Adutor do Ramal de Entremontes, em Pernambuco.

A obra, com uma extensão de quase 110 quilômetros, pertence ao Eixo Norte do Projeto de Integração do São Francisco (Pisf) com bacias hidrográficas do nordeste setentrional.

O Ramal de Entremontes, que irá levar água para grande parte do sertão pernambucano, é uma prioridade do mandato de Fernando Bezerra.

“Minha voz será permanente em favor da mais importante obra para esta região do meu estado”, destaca o vice-líder. O senador também apresentou outras duas propostas ao projeto de lei (PLN 2/2018) em benefício à população de Petrolina, cidade-natal do parlamentar.

Uma das emendas assegura recursos no Orçamento da União para a adequação e duplicação da BR 407 no perímetro urbano do município até a divisa com o estado do Piauí. “A eliminação de pontos críticos desta rodovia facilitará o escoamento da produção agroindustrial de toda a região de Petrolina, além de diminuir o índice de acidentes”, observa Bezerra Coelho. A outra emenda apresentada pelo senador destina recursos para a duplicação da BR 428 em direção à cidade vizinha de Lagoa Grande.

Ao longo desta semana, outras emendas ao PLN 2/2018 sugeridas por Fernando Bezerra Coelho foram aprovadas por duas comissões do Senado e uma do Congresso Nacional. As chamadas “emendas de comissão” foram apresentadas à CAE (Assuntos Estratégicos), CRE (Relações Exteriores e Defesa Nacional) e CMMC (Mudanças Climáticas).

A emenda aprovada pela CAE assegura recursos para a promoção do desenvolvimento da micro e pequena empresa. A proposta acatada pela CRE garante investimentos no Comando da Aeronáutica para a aquisição de aeronave KC-390. Já a emenda aprovada pela CMMC destina recursos para estudos, projetos e empreendimentos voltados à mitigação das consequências da mudança do clima.

As propostas seguiram para a análise da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO). O Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias deve ser votado até o próximo dia 17 em sessão do Plenário do Congresso Nacional.

 

PORTAL G1


Fotógrafos profissionais e amadores se reúnem em Brasília para o 4º Spotter Day | Distrito Federal

Aeroporto e Base Aérea foram cenário; cerca de 150 pessoas participaram do evento durante a manhã deste sábado.

Por G1 Df Publicado Em 30/06 - 15h10

Fotógrafos amadores e profissionais se reuniram em Brasília para o 4º Spotter Day

Cerca de 150 fotógrafos, profissionais e amadores, se reuniram durante a manhã deste sábado (30), em Brasília. O Aeroporto Internacional JK e a Base Aérea foram o cenário da quarta edição do Spotter Day.

A uma distância de menos de 300 metros das aeronaves, o objetivo era escolher o melhor ângulo e registrar pousos e decolagens. O grupo conheceu também aviões do 6º ETA da Força Aérea Brasileira, na Base Aérea.

Entre 6h e 12h, os spotters registaram mais de 100 movimentos aéreos em um ponto exclusivo e restrito. De acordo com a Inframerica, concessionária que administra o aeroporto de Brasília, os participantes vieram de várias regiões do país.

No 4º Spotter Day, da capital do país, quem tirar a melhor foto, de acordo com a escolha do público na página do Aeroporto de Brasília ganha uma viagem para Bonito, no Mato Grosso do Sul, com direito a acompanhante.

Neste ano, cada participante foi selecionado mediante a doação de 1 kg de alimento não perecível. As doações serão entregues para uma instituição social credenciada com a Inframerica.

 

Aeroporto Capital do Café receberá equipamentos para auxílio à navegação aérea em Cacoal, RO | Cacoal e Zona da Mata

Previsão é que instalações estejam prontas para funcionamento até o fim de 2018. Medida deve ajudar a diminuir cancelamentos de voos.

Por Magda Oliveira, G1 Cacoal E Zona Da Mata Publicado Em 30/06 - 14h40

Foi assinada, na manhã deste sábado (30), uma ordem de serviço para melhorar a estrutura do Aeroporto Capital do Café, em Cacoal (RO), município a pouco mais de 400 quilômetros de Porto Velho.

O objetivo é fazer a instalação de equipamentos para navegação aérea. O recurso para as obras ocorreu por meio parlamentar, no valor de R$ 1,6 milhão. A previsão é de que tudo esteja pronto até o fim de 2018.

Segundo o engenheiro do Departamento de Estradas e Rodagens (DER), Humberto Faid, será feita a instalação de um sistema de indicador de rampa que deve facilitar o trabalho de pouso das aeronaves.

Além disso, afirmou que o local contará com duas estações: uma prestadora de tráfego aéreo, que enviará informações aos aeronavegantes; e outra meteorológica para informar as condições climáticas do município. Ele garantiu que trata-se de uma obra rápida.

“Essa obra dura em média quatro meses para ficar pronta. O problema é a homologação que é feita junto aos órgãos reguladores aeroportuários. Mas a expectativa é que até o final do ano já esteja liberado e funcionando”, explicou Humberto.

Após a instalação, o equipamento deve auxiliar na diminuição de voos cancelados, já que o aeroporto terá um aeródromo com auxílio a navegação.

De acordo com a gerente do aeroporto de Cacoal, Elicia Boso, os cancelamentos acontecem, normalmente, por condições adversas de clima, como chuva, neblina e fumaça.

“Para nós, moradores de Cacoal e funcionários do aeroporto, é de grande ajuda, pois minimiza os cancelamentos e, assim, conseguimos oferecer à população um serviço com mais qualidade e segurança”, destacou Elicia.

O aeroporto de Cacoal recebe um voo diário com jato que tem a capacidade para 119 passageiros. O embarque diário é de 100 a 119 passageiros.

 

Balão cai na avenida Nove de Julho em São José | Vale do Paraíba e Região

Na queda, objeto se dividiu em duas partes e ficou enroscado no teto de um restaurante. Apesar do susto, não houve nenhum dano.

Por G1 Vale Do Paraíba E Região Publicado Em 30/06 - 12h34

Um balão de cerca de 10 metros caiu na avenida Nove de Julho, região central de São José dos Campos, na manhã deste sábado (30). A central de controle do tráfego aéreo de São José chegou a emitir um alerta sobre a passagem do balão na região, que é rota de aeronaves, e diversas pessoas registraram a queda do objeto. Apesar do susto, não houve nenhum dano.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o balão caiu na avenida por volta das 9h e, na queda, se dividiu em duas partes. Uma delas, ficou enroscada em uma árvore e caiu em cima de um restaurante. A Polícia Militar isolou o local e interditou o trânsito no local até a chegada dos bombeiros.

Moradores e pessoas que passavam pelo local ficaram apreensivos com a possibilidade de que o objeto causasse algum incêndio na rede elétrica ou nas árvores. O trabalho para retirar os restos do balão do local levou quase uma hora.

“Poderia ter atingido os carros, a rede elétrica e o dano poderia ter sido muito grande. Eventualmente até um risco de causar um acidente envolvendo avião, que teria consequências muito maiores”, disse o tenente do Corpo de Bombeiros, Diego Martins.

Fabricar, vender, transportar ou soltar balões é crime ambiental. A pena prevista para quem for flagrado é de multa e detenção de até três anos.

 

Militares retiram 80 barreiras montadas por traficantes no Chapadão e na Pedreira

Pelo terceiro dia, soldados do Exército percorrem as favelas removendo obstáculos. Forças de segurança usaram uma retroescavadeira para derrubar um muro usado para proteger criminosos

Por G1 Rio Publicada Em 30/06/2018 - 23h06, Atualizada 23h50

Militares realizaram neste sábado (30) mais um dia de operações nos morros do Chapadão e da Pedreira, em Costa Barros, na Zona Norte do Rio. Durante todo o dia foram removidos 80 obstáculos nas duas comunidades.

O grupo chegou a encontrar um muro, utilizado como "seteira", estrutura que serve como proteção aos traficantes contra disparos de rivais ou das forças segurança.

A construção também permite que, por meio de buracos feitos na parede se possa colocar o cano de uma arma, normalmente, fuzis para se realizar disparos.

Esse foi o segundo dia de operações no Chapadão e na Pedreira. Na quinta-feira (28), mais de 5.400 homens das Forças Armadas, incluindo 80 policiais militares e cem policiais civis foram às comunidades.

As Forças Armadas foram a esses locais com a missão de desobstruir ruas, revistar pessoas e veículos. A Polícia Militar trabalha no bloqueio de algumas vias das comunidades com o auxílio de veículos blindados.

 

PORTAL R7


Aumenta o número de crianças brasileiras detidas nos EUA

Já são 58 os menores brasileiros filhos de imigrantes ilegais detidos em instituições do país. Ministro Aloysio Nunes Ferreira decola para Washington na quarta

Christina Lemos Publicada Em 30/06/2018 - 08h25, Atualizada 08h28

O Ministério das Relações Exteriores já contabiliza 58 crianças brasileiras detidas nos Estados Unidos e separadas dos pais, presos pela polícia de migração daquele país. O caso mobiliza os 10 cônsules brasileiros nos Estados Unidos, que têm reunião prevista com o chanceler Aloysio Nunes Ferreira na semana que vem. O ministro decola na quarta, dia 4, para Washington, para avaliar pessoalmente a situação.

"Vou encontrar com eles para fazer avaliação do que está acontecendo em cada uma das jurisdições e ver como a administração do Itamaraty pode contribuir para ajudá-los nesse trabalho", declarou Nunes à Agência Brasil. O presidente Michel Temer chegou a sugerir ao vice-presidente americano, Mike Pence, em recente visita ao Brasil, o envio de um avião da FAB para facilitar o retorno das crianças.

A complexidade jurídica da situação é agravada pelo fato de que, tanto a liberação, quanto o eventual retorno das crianças dependem da legislação de cada estado, além da determinação central do governo americano. Também para visita é necessária autorização prévia.Os menores estão em 16 abrigos espalhados pelo país, nas jurisdições de Chicago, Houston, Los Angeles, Miami e Nova Iorque e já foram contactados por representantes dos consulados brasileiros.

O acompanhamento do caso mobiliza também o embaixador do Brasil em Washigton, Sérgio Amaral, que atua diretamente na questão. Amaral participou da sugestão de envio do avião do governo brasileiro aos EUA, e estimulou a rápida resposta diplomática a partir de Brasília, incluindo a viagem de Aloysio Nunes Ferreira para ressaltar a importância que o Brasil dá ao caso.

Colaborou: Cláudia Gonçalves Bengtson, da Recordtv

 

JORNAL DO BRASIL


Autoridade americana exige novos procedimentos em voos para os EUA


Jornal Do Brasil Publicado Em 30/06 - 11h39 - Atualizado Em 30/06 -

As companhias aéreas que fazem voos para os Estados Unidos terão de observar as novas regras para o transporte de bagagens de mão, válidas a partir deste sábado (30). A Transportation Security Administration (TSA), autoridade norte americana de segurança da aviação civil contra atos de interferência ilícita, passou a exigir novos procedimentos de segurança para voos internacionais com destino ao país.

As medidas devem ser aplicadas pelas empresas aéreas nos aeroportos de origem, inclusive os brasileiros.

Entre as medidas, as companhias devem informar os passageiros sobre a proibição de embarque de substâncias em pó acima de 350 mililitros em bagagem de mão. As exceções são para leite em pó, medicamentos e produtos adquiridos em duty free, nos próprios aeroportos. A TSA inclue nas normas os materiais em pó em forma granulares ou compactados.

Além disso, os passageiros poderão ter seus pertences de mão submetidos à inspeção de segurança pelo operador aéreo, conforme critérios de escolha do passageiro definidos pelo TSA. De acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), essa medida já é prevista desde 2017, trata-se, portanto, de um reforço.

Em comunicado, a Anac informou que está avaliando as novas medidas e os impactos que podem ocorrer em voos no Brasil. A agência também participa de discussões técnicas internacionais, com o objetivo de atualizar a necessidade de alteração de alguma medida de segurança nos aeroportos do país.

 

JORNAL O DIA


Postos de nível universitário na Aeronáutica

Veja algumas carreiras de Nível Superior na Força Aérea

Por Francisco Alves Filho Publicado Em 01/07 - 03h03

Muita gente acha que para se tornar militar basta se alistar e viver aquela rotina básica: exercícios, formaturas e aulas de tiros. Mas quem quer seguir carreira na Aeronáutica com melhor remuneração deve saber que também há especializações de nível universitário neste segmento.

Nessas áreas, além de bons salários, o profissional tem o benefício de ter um plano para progresso em cada ofício e espaço livre para qualificação.

A seguir, a coluna apresenta três cursos que preparam para funções universitárias de alto nível que podem ser boas opções na Aeronáutica.

Curso de oficiais aviadores - É uma formação de nível superior oferecida pela Força Aérea Brasileira, através da respeitada Academia da Força Aérea (AFA).

O conteúdo programático é perfeito para quem gosta de aviação. Afinal, inclui manobras e acrobacias, voo noturno, navegação por instrumentos, entre outras disciplinas.

Após a formatura, o oficial aviador precisa escolher uma especialização, que pode ser aviação de caça, transporte, patrulha, reconhecimento ou helicóptero. Ao se tornar especialista, ele pode dirigir o tipo de aeronave que escolheu.

O título concedido pela Academia é de bacharel em Ciências Aeronáuticas com habilitação em Aviação Militar.

Universitários na Aeronáutica (2)

Curso de Oficiais de Intendência - Para quem tem o sonho de contribuir com as operações da FAB, o caminho é tornar-se um aluno do curso de oficiais de Intendência, também ofertado pela Academia da Força Aérea.

O objetivo é formar intendentes para trabalhar com gerência administrativa, logística ou financeira nas unidades militares. O diploma concedido pela academia é de bacharel em Ciências Logísticas om habilitação em Intendência da Aeronáutica. Após a conclusão do Curso os Cadetes serão nomeados Aspirantes-a-Oficial

Universitários na Aeronáutica (3)

Curso de Oficiais de Infantaria - Quem concluiu o Ensino Médio e tem idade entre 17 e 22 anos pode participar do curso de oficiais de infantaria. Essa formação capacita cadetes para trabalhar em missões ofensivas e defensivas da Força Aérea. O conteúdo programático é bem prático, já que inclui táticas de combate, instruções de tiro e artilharia. No último ano, é preciso realizar estágio para conseguir o tão desejado diploma da AFA.

Diretrizes do Direito

O Conselho Nacional de Educação promove dia 2 de julho, em Brasília, Audiência Pública sobre as Diretrizes Curriculares de Direito, para discutir mudanças na matriz curricular destes cursos para colocá-los em concordância com as mudanças tecnológicas e da sociedade. "É preciso participar do debate, pela transparência do processo de construção de normas que afetarão alunos de direito das mais de 700 faculdades do país", afirma o relator, professor Antonio Freitas.

PROUNI

Prazo para participar da lista de espera do Programa Universidade Para Todos (Prouni) é de 30 e 31 de julho. A divulgação da lista de espera vai acontecer no dia 2 de agosto

 

OUTRAS MÍDIAS


A VOZ DA CIDADE (RJ) - Ex-secretário destaca contribuição da Prefeitura de Resende para reabertura do Aeroporto Municipal


Publicado Em 30/06 - 13h06

O ex-secretário de Indústria, Tecnologia e Serviços do município e empresário do ramo de Logística, Edgar Moreira, disse na tarde de ontem, que contribuiu para a abertura e infraestrutura do Aeroporto Municipal. Ele pontuou as várias melhorias de infraestrutura que a administração do ex-prefeito governo José Rechuan fez no primeiro ano de administração municipal e que culminou na reabertura do Aeroporto Municipal que estava fechado quando assumiu a prefeitura.

“O aeroporto estava interditado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). A prefeitura fez investimento na época, através de uma parceria com a Votorantim Siderurgia, para que fossem realizadas obras para o aeroporto volta a operar normalmente, estando capacitado para receber aeronaves de pequeno e médio porte. As obras que resultaram na reabertura do Aeroporto Municipal foram estimadas em R$450 mil. No local, todas as obras apontadas pela Anac como exigências na época da interdição foram cumpridas. Na época, a prefeitura construiu um muro de alvenaria, com 600 metros de extensão, por dois metros de altura; implantou cerca de 300 metros de alambrado, além de aproximadamente 1.200 metros de cerca de arame farpado para impedir o acesso de pessoas e a entrada de animais na pista de pouso e de decolagem. Também foram realizados serviços de capina e roçada, recuperação da drenagem, pintura e sinalização da pista, reforma do salão de embarque e desembarque, além de melhorias feitas na área livre destinada ao trânsito de aeronaves”, enumerou o empresário, destacando que o aeroporto municipal foi reinaugurado pela prefeitura em agosto de 2010.

“O aeroporto só foi regulamentado em nossa época e até as verbas foram solicitações feitas por nós a época ao ministro da Secretaria de Aviação Civil, Moreira Franco”, ressaltou.

Aeroporto Agulhas Negras

Edgar informou ainda que na época aeroporto passou a se chamar Aeroporto Agulhas Negras, cujo nome foi dado em homenagem aos 200 anos da Academia Militar das Agulhas Negras (Aman). “Além das obras foi exigida a formação de uma brigada contra incêndio em aeródromo que contou com a formação de dez bombeiros do quadro da prefeitura de Resende, que foram capacitados pela Aeronáutica no Curso de Especialização de Combate a Incêndio e Salvamento em Aeronaves. O grupo, sob a responsabilidade da Defesa Civil Municipal, tinha a finalidade atuar no salvamento de pessoas em acidentes aeronáuticos. O Governo Federal enviou um carro de Bombeiros e depois conseguimos mais um outro caminhão com o Comando Geral da Aeronáutica. Estes veículos são caríssimos”, explicou o ex-secretário, informando ainda que a Brigada de Incêndio foi muito elogiada pelo então subsecretário estadual de Transportes Delmo Pinho, que compareceu no evento representando o secretário de Estado de Transporte, Júlio Lopes.

“Nesta época foi quando o aeroporto de Resende efetivamente passou a existir como aeroporto e estava todo regulamentado pela Secretaria de Aviação Civil e estava bem mais estruturado”, disse Moreira. Ele também relembrou que a partir desta reforma a prefeitura negociou com a companhia aérea Trip para fazer voos regulares por uma malha regional. “A Trip iniciou voos para Resende, com destino a São Paulo (Guarulhos) ou Juiz de Fora e conexões para dez outros destinos. Os voos eram operados em turboélices ATR-42, com capacidade para 45 passageiros”, recordou o empresário, acrescentando que os voos foram encerrados quando a Azul comprou a Trip. “Infelizmente os voos foram encerrados devido a falta de ocupação de assentos e operava com aviões para 45 lugares. Quando a Azul comprou a Trip ela acabou com a operação nos aviões ATR- 42 e passou a utilizar ATR-62 que tem restrição para pouso e decolagens em Resende devido o tamanho da pista e também não tinha um número de passageiros que cobria os custos operacionais. A empresa encerrou as atividades por este motivo”, explicou.

Edgar também disse que além de o aeroporto Agulhas Negras estar todo estruturado quando era secretário de Indústria, Tecnologia e Serviços do município, a prefeitura conseguiu ais verbas com a Secretaria de Aviação Civil. “Através do então Ministro Moreira Franco conseguimos verbas de R$22 milhões para reforma e adequação de pátio de cargas, pintura, entre outras. Pelo que me consta foi liberado recursos no valor de R$7 milhões que até ano retrasado havia sido liberados verbas da época de nossa gestão”, contou.

Problemas para a realização do balizamento noturno

Moreira também contou que o balizamento noturno da pista do aeroporto de Resende não foi feito devido a dois problemas identificados na época. “Tem dois problemas sérios para fazer este balizamento noturno da pista de Resende. A aproximação passa em cima de duas baterias de tiro antiaéreo da Academia Militar das Agulhas Negras (Aman). Não tem como fazer o balizamento, cruzar e passar com aviões em cima destas duas linhas de tiro antiaéreo. Além disso, para fazermos este balizamento teríamos que aumentar o tamanho da pista do aeroporto. E para redesenhar e aumentar a pista terão que desapropriar muitos imóveis até a região da Cidade Alegria. Isso é inviável. Este balizamento não é tão simples e básico”, explicou Edgar, acrescentando que Resende não tem capacidade para ter um aeroporto cargueiro.

“Hoje não tem aeronave cargueira para pousar em Resende porque a pista tem 1.100 metros e para operar com estes aviões é necessário uma pista de 2.300 metros. Vamos cair na mesma história do balizamento noturno que precisa de muito recursos”, completou.

Para finalizar, o ex-secretário comentou que antes de sair do cargo conversou com a direção do aeroclube e do paraquedismo. “Dentro do processo de regulamentação, chamamos o pessoal do Aeroclube e do paraquedismo para regulamentar as áreas usadas por eles como manda a legislação. Deixei os contratos prontos e apenas reduzindo o tamanho das áreas e de forma onerosa. Na época eles não quiseram assinar, pois acharam que estavam sendo prejudicados e, na verdade, eu estava regularizando a situação deles. Se tivessem assinado estariam operando até hoje sem nenhum problema”, informou.outras

 

ESPORTE ALTERNATIVO (SP) - Brasil terá 3 nomes no Open da Alemanha


Redação Publicada Em 30/06/2018 - 14h29

Alemanha - O Brasil estará presente no Campeonato Alemão Open de Pentatlo Moderno, que será realizado neste fim de semana, em Berlim. Na capital da Alemanha, estaremos representados por Felipe Nascimento, 24, Priscila Oliveira, 29, e William Muinhos, também com 24 anos.

Além do trio de peso brasileiro, o torneio vai contar com grandes nomes do Pentatlo Moderno mundial, já que será disputado em um país de tradição na modalidade. Só para citar um exemplo, a campeã olímpica de Pequim 2008 é a alemã Lena Schöneborn.

Nosso time já está na Alemanha para o torneio. William Muinhos, aliás, foi direto da Copa da Ásia Central e Open do Quirguistão, realizado em Bisqueque, nesta quarta e quinta. Na competição da capital quirguiz, o brasileiro foi o quinto, depois de somar 1.357 pontos, dentre 26 atletas de cinco países. O carioca ficou a apenas quatro pontos da medalha de bronze, conquistada pelo sul-coreano Jonghyeon Lee (1361). O ouro e a prata do torneio foram para os donos da casa Radion Khripchenko (1.403) e Vasilii Lukianov (1.399), respectivamente.

“A prova no Quirguistão teve o tiro, a esgrima e o hipismo de positivo. A natação foi bem difícil por causa da temperatura da água. Nunca nadei em uma piscina tão gelada. Já a corrida foi complicada porque foi em areia fofa e isso deixa as passadas bem pesadas", William avalia seu desempenho.

Nova vida em Paris - O brasileiro, revelado no PentaJovem-RJ, projeto que Confederação Brasileira de Pentatlo Moderno (CBPM) mantém para a descoberta e formação de novos nomes na modalidade olímpica, tem tido uma temporada bem intensa. A começar pela mudança para Paris! Ele foi morar na capital francesa em meados de fevereiro para aperfeiçoar seu treinamento, fazendo parte da equipe do renomado técnico de esgrima Daniel Levavasseur.

Paralelamente à rotina da nova moradia, William participou das três primeiras etapas da Copa do Mundo (Egito em março, Estados Unidos em abril e Hungria e maio) e, mais recentemente, da primeira edição da Copa Parque Olímpico de Tetratlo Moderno, no coração dos Jogos Rio 2016, onde foi o vice-campeão.

“O Open da Alemanha vai ser minha última competição nesse primeiro semestre. Quero aproveitá-la para avaliar como foram esses primeiros meses de treinamento fora do Brasil", o líder do ranking nacional há um ano planeja. “Certamente vai ser uma competição forte. Acredito que será num nível de Copa do Mundo. Por isso, quero ficar entre os 15 primeiros. Seria bom".

Se William lidera o ranking nacional do Pentatlo Moderno entre os homens, na lista feminina quem está no topo é Priscila Oliveira. No caso dela há nove meses, desde setembro do ano passado. A pernambucana também destaca o alto nível do Open da Alemanha.

“Participar de uma competição forte é sempre bom. E como surgiu essa oportunidade, o farei meu melhor", Priscila espera. “Minhas expectativas são as melhores. Quero fazer uma boa prova e me aproximar dos meus melhores resultados".

Medalhista olímpica presente - O torneio na Europa vai receber mais de 70 competidores de cerca de 15 países. Das Américas, além dos brasileiros, vão estar presentes a canadense Kelly Fitzsimmons e o mexicano Jorge Inzunza. Além deles, vão competir a medalhista de prata em Londres 2012, a britânica Samantha Murray; o campeão da Final da Copa do Mundo de 2017, o francês Valentin Prades; e o medalhista de bronze do Mundial de 2009, o ucraniano Dmytro Kirpulyanskyy

Felipe Nascimento, também revelado no PentaJovem, já imaginava que o Open da Alemanha seria dureza. Ele diz que o torneio é conhecido por receber atletas de vários países, se tornando, assim, de alto nível.

“Será importante para eu pegar ritmo de competição, assim como buscar pontos para os rankings mundial e nacional. Espero fazer um ótimo torneio como um todo, principalmente começando com uma boa esgrima. Treinei forte e estou preparado para fazer o melhor que posso nessa prova. Estou focado nisso, o resultado é consequência", garante.

Os três brasileiros que estarão em Berlim para o Open da Alemanha recebem o benefício da Bolsa Atleta do Ministério do Esporte. Felipe e William também fazem parte do Programa de Alto Rendimento da Força Aérea Brasileira (FAB) como Terceiro Sargento da Comissão de Desportos da Aeronáutica (CDA).