OPERAÇÃO SACI- Exercício deixa legado de preparação e planejamento para unidades

Publicado: 18/11/2011 16:37
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea

Os voos simultâneos, a atuação conjunta com militares do Exército, o lançamento de paraquedistas e cargas e o intenso trabalho de preparação e logística marcaram os três dias da Operação Saci, realizada na Base Aérea dos Afonsos (BAAF). As missões deixam um legado de aprendizado e operacionalidade para unidades da Força Aérea Brasileira que integraram o exercício.

"É uma operação diferenciada, na qual temos a oportunidade de colocar em prática vários tópicos da nossa doutrina e, principalmente, empregar aeronaves com performances distintas. É um ganho operacional muito grande", garante o comandate do Esquadrão Onça (1/15), Tenente Coronel Luiz Guilherme da Silva Magarão.

O montante de aeronaves e militares envolvidos simulou o que seria o mais próximo de uma situação real. "Um adestremento desse porte, para a Base Aérea, no aspecto logístico é fundamental para que seu efetivo esteja pronto para o momento em que for necessário cumprir a nossa missão", destaca o Comandante da BAAF, Coronel João Bosco.

Segundo o Comandante do Primeiro Grupo de Transporte de Tropa ( 1 GTT - Esquadrões Coral e Cascavel), Tenente Coronel Marco Aurélio de Oliveira, a integração com militares do Exército é decisiva. "Se a nação brasileira demandar, quem irá resolver é a Aviação de Transporte e os paraquedistas, que são os primeiros a chegar na guerra".