INFRAESTRUTURA

Ala 4 inaugura nova Subestação de Energia Elétrica

Investimento possibilitará total operacionalidade, de forma autônoma, da Guarnição de Aeronáutica de Santa Maria
Publicado: 17/04/2019 17:57
Imprimir
Fonte: Ala 4, por Sargento Tiarlen
Edição: Agência Força Aérea, por Tenente Emília - Revisão: Capitão Landenberger

A nova subestação foi inaugurada nesta terça (16)Nesta terça-feira (16), a Ala 4, sediada em Santa Maria (RS), realizou a solenidade de inauguração oficial da sua nova Subestação de Energia Elétrica. O projeto inclui a modernização da rede elétrica aérea primária, cabine de medição e uma Casa de Força, totalizando 4 km de rede de distribuição de energia.

A obra teve início em janeiro de 2017 com recursos provenientes do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA). Ela consistiu na substituição do cabeamento de distribuição elétrica em média tensão por rede aérea compacta protegida, que proporciona mais segurança e melhor tecnologia; substituição de mais de 100 luminárias nas vias internas por luminárias de LED mais eficientes; construção de Casa de Força com aproximadamente 700m² de área; três unidades geradoras de 1400 kVA; e automatização do sistema que garante reabastecimento de energia elétrica da guarnição em menos de 20 segundos após a falta de energia elétrica da concessionária.

Comandante da Ala 4 discursou aos presentes“É uma honra receber esta obra finalizada, cujo trabalho envolveu um grande esforço da Força Aérea Brasileira e aproximadamente cinco anos de planejamento, projeto e execução. Agradecemos ao DECEA por disponibilizar o recurso para que isso fosse viabilizado. A Guarnição de Aeronáutica de Santa Maria amplia agora sua capacidade de preparo e emprego em cumprimento da missão constitucional da Força”, destacou o Comandante da Ala 4, Coronel Aviador Élison Montagner.

A nova Subestação recebeu o nome de “Casa de Força Civil João Cosme Ferreira de Oliveira” em homenagem ao funcionário civil que trabalhou por 37 anos como eletricista na antiga Base Aérea de Santa Maria e atual Ala 4.

Ao centro, o servidor civil que deu nome à Casa de Força O investimento possibilitará a total operacionalidade, de forma autônoma, da Guarnição de Aeronáutica de Santa Maria, 24 horas por dia e 7 dias por semana, além de prover energia elétrica para as operações do Terminal de Passageiros do Aeroporto Municipal de Santa Maria, que hoje tem sua administração delegada à Prefeitura Municipal.

Fotos: Soldado Reginaldo/Ala 4