CARREIRA

CIAAR forma 82 novos oficiais em Belo Horizonte

Essa foi a última turma formada na cidade já que a Organização Militar vai ser sediada em Lagoa Santa
Publicado: 14/09/2018 18:00
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Tenente João Elias
Edição: Agência Força Aérea - Revisão: Major Alle

"É uma grande alegria e uma honra estar aqui neste momento. Alcançar o oficialato sempre foi um sonho para mim". Essas palavras são da Segundo-Tenente Maísa Soares Silva Tiz que, juntamente com mais 81 novos oficiais, concluíram, nesta sexta-feira (14), o Estágio de Adaptação ao Oficialato (EAOF), voltado para graduados de carreira da Força Aérea. A solenidade, realizada no Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica (CIAAR), em Belo Horizonte (MG), foi presidida pelo Comandante da Força Aérea Brasileira, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato.

"Essa cerimônia representa a conclusão de um ciclo que lapida profissionais especializados e experientes e os transforma em líderes da nossa Força. Eles agora vão desempenhar funções mais elevadas na cadeia hierárquica de nossa Instituição", ressalta o Tenente-Brigadeiro Rossato.

Durante a solenidade, o Segundo-Tenente Especialista em Suprimento Técnico Flávio de Souza Serra, que foi o primeiro colocado da turma, recebeu o "Prêmio de Honra ao Mérito do Ministério da Defesa" do Diretor de Ensino da Aeronáutica, Major-Brigadeiro do Ar Rui Chagas Mesquita. Já o "Prêmio Força Aérea Brasileira" foi entregue pelo Comandante-Geral do Pessoal da Aeronaútica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez. E a imposição da "Medalha Eduardo Gomes Aplicação e Estudo" foi realizada pelo Tenente-Brigadeiro Rossato.

Depois de 14 semanas de estágio, os novos oficiais receberam a espada, símbolo do oficialato nas Forças Armadas, e prestaram o compromisso perante a Bandeira Nacional, num ato que simboliza o juramento de bem cumprir os deveres inerentes à carreira do oficial.

"A espada representa todo o esforço e a materialização da nossa conquista. É um momento de muita emoção, muita felicidade, a gente fica em êxtase", relata o formando Segundo-Tenente Edson Marcos da Cunha Barros.

Eles vão exercer a nova função em Organizações Militares espalhadas por todo o país. Depois de vinte anos trabalhando no Rio de Janeiro (RJ) como graduado, o agora Segundo-Tenente Marcelo Soares do Nascimento vai atuar no Terceiro Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (CINDACTA III), em Recife (PE). "Eu estudei um ano e meio para ser aprovado na seleção do EAOF. Durante o estágio, nos dedicamos muito às matérias de chefia e liderança e, com certeza, vamos aplicar isso nas nossas unidades", destaca.

Já a Segundo-Tenente Maísa, que foi citada no início da reportagem, tem 19 anos de serviço prestado à FAB. "Eu trabalhava no Parque de Material de Eletrônica da Aeronáutca, no Rio de Janeiro, e agora vou atuar na Prefeitura de Aeronáutica do Galeão, também, no Rio de Janeiro", enfatiza.

Essa foi a última formatura realizada em Belo Horizonte. Em breve, será inaugurada a nova sede do CIAAR no município de Lagoa Santa (MG).

Fotos: Soldado Jessé /  Soldado Dutra

Confira aqui a reportagem.