LANÇAMENTO

Nova edição do Almanaque da Turma da Mônica destaca a indústria de defesa

O Almanaque apresenta de maneira lúdica e divertida o papel da Indústria de Defesa Brasileira
Publicado: 16/05/2018 20:00
Imprimir
Fonte: Ministério da Defesa
Edição: Agência Força Aérea, por Tenente Raquel Alves - Revisão: Major Alle

O Ministro de Estado da Defesa interino Joaquim Silva e Luna participou, nesta quarta-feira (16/05), do lançamento do Almanaque “A Turma da Mônica e a Indústria de Defesa Brasileira”, realizado no auditório do Ministério do Esporte, em Brasília (DF). O evento contou com a presença de autoridades civis e militares.

O projeto, que visa apresentar de maneira lúdica e divertida o papel da Indústria de Defesa Brasileira e das Forças Armadas para o público infanto-juvenil, é de iniciativa do Instituto Brasileiro de Estudos em Defesa Pandiá Calógeras (IBED), pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) e pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), em parceria com o Instituto Maurício de Sousa.

Durante o lançamento do gibi, o Ministro Silva e Luna destacou a presença do empresário e cartunista, Maurício de Sousa, que, segundo ele, contribui para o entretenimento infanto-juvenil de várias gerações. “É uma grande satisfação para o Ministério da Defesa apoiar e participar desta iniciativa. Sabemos que toda vez que falamos para as crianças e adolescentes, estamos semeando o futuro”, destacou. Segundo o Ministro, esta é mais uma oportunidade para que os valores praticados nas Forças Armadas sejam transmitidos às gerações futuras. “Aproveito para cumprimentar com alegria o senhor Maurício de Sousa e equipe pela inspiração e criatividade de sempre. O produto final superou e muito as nossas expectativas”, pontuou.

Maurício de Sousa brincou com os convidados e pediu que levantassem a mão aqueles que já haviam lido as aventuras da Turma da Mônica. A adesão foi unânime. O cartunista reforçou que as histórias dos quadrinhos são lógicas, éticas e trazem mensagens consistentes. “Estamos conseguindo fazer este trabalho nos últimos 50 anos. Nossos personagens, nossa filosofia de trabalho e nossa técnica de comunicação faz com que consigamos atingir crianças e adolescentes no Brasil e no exterior. Desta vez, com auxílio de personagens fortes e que todo mundo conhece, falamos de Defesa, assunto que normalmente não é abordado neste tipo de linguagem, mas que funciona muito bem”, afirmou.

O Ministro do Estado da Indústria, Comércio, Exterior e Serviços, Marcos Jorge, considerou que o Almanaque vai ampliar a percepção de jovens e crianças em idade escolar sobre a importância da Defesa Nacional, do ponto de vista do desenvolvimento industrial, além de abordar tecnologias inovadoras. “É na área de Defesa que as empresas nacionais têm a grande oportunidade de comprovar sua competência tecnológica”, ressaltou.

Crianças do Colégio Militar de Brasília e do Programa Forças no Esporte (PROFESP), foram ao evento e receberam exemplares do almanaque.

A Turma da Mônica tem gibis e outros produtos licenciados em 40 países e com 14 idiomas, sendo que a marca foi expandida para outras mídias ao longo dos anos, em produtos como livros, brinquedos e jogos eletrônicos.

A história
As aventuras do enredo de “A Turma da Mônica e a Indústria de Defesa Brasileira” se passam no mar, na terra e no ar. Misturando humor e informações sobre as principais tecnologias das Forças Armadas, personagens descobrem ações de defesa da Marinha, do Exército e da Aeronáutica para garantir a soberania nacional. A publicação expõe as complexas capacidades produtivas e tecnológicas da Base Industrial de Defesa do Brasil.

 Fotos: Sargento Manfrim/MD