DIA DO ESPECIALISTA

FAB homenageia militares e civis no Dia do Especialista de Aeronáutica

Ao total 60 pessoas receberam a Medalha Bartolomeu de Gusmão
Publicado: 23/03/2018 18:10
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Tenente João Elias

O Segundo Sargento Ivo de Paula Moreira Alves é da especialidade em Mecânica de Aeronaves e tem 14 anos de serviços prestados à Força Aérea Brasileira (FAB). Já o Primeiro Sargento Hugo Girdelan Pires Camelo, Especialista em Eletrônica, tem 26 anos de dedicação. E a Segundo Sargento Daniela Ribeiro de Carvalho, também da especialidade em Eletrônica, se formou há mais de dez anos. Todos eles foram homenageados com a Medalha Bartolomeu de Gusmão nesta sexta-feira (23), em Brasília (DF), durante a cerimônia do Dia do Especialista de Aeronáutica realizada na Ala1.

"Os Especialistas são profissionais que, por meio de suas contribuições individuais, viabilizam o voo e fazem com que a nossa missão de controlar, defender e integrar seja cumprida de maneira ágil e leve, mais leve que o ar. Eles formam a base fundamental para que a Força Aérea Brasileira funcione de forma conjunta, integrada e harmônica, resultando num conjunto de todo eficaz", ressaltou o Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, que presidiu a cerimônia.

O Sargento Ivo se formou em 2004 na Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR), trabalhou seis anos no então Quarto Esquadrão de Transporte Aéreo, e, em seguida, foi transferido para o Grupo de Transporte Especial (GTE), onde está até hoje. " É uma satisfação muito grande receber esta medalha, bem gratificante ter esse reconhecimento pelo trabalho que a gente faz", afirmou.

Já o Sargento Camelo entrou na FAB como Soldado do Batalhão de Infantaria, em Brasília, e, aos poucos, foi crescendo na carreira. Ele entrou na EEAR em 1995 e já serviu no antigo COMGAR, no Parque de Material Aeronáutico de São Paulo e está há 16 anos no CINDACTA I. No fim deste ano, será promovido a Suboficial. "Esta medalha representa todo o trabalho feito ao longo da carreira, eu me sinto muito honrado em recebê-la", disse.

E a Sargento Daniela se formou em 2007 na EEAR. Começou a exercer a profissão no Centro de Computação da Aeronaútica de Brasília (CCA-BR), onde está há mais de 10 anos. "Esta medalha é uma medida de que eu estou no caminho certo na minha dedicação ao trabalho", relatou.

Ao total foram entregues 70 medalhas a militares e civis. Entre eles, o Chefe do Serviço de Apoio Técnico do Departamento de Polícia Legislativa da Câmara dos Deputados, Suprecilho Barros. "Estamos sempre em contínua parceria com a FAB e, para mim, é uma honra receber essa medalha", declarou.

Durante a cerimônia, a tropa desfilou ao som da canção Bandeirantes do Ar e da Canção do Especialista.

Bartolomeu de Gusmão

O Dia do Especialista de Aeronáutica foi instituído em 25 de março de 1991. A data coincide com a data de criação da Escola de Especialistas de Aeronáutica, que é a instituição de ensino responsável pela formação de pessoal especializado nas mais diversas áreas, a fim de atender as necessidades crescentes de recursos humanos para a FAB.

O Padre Bartolomeu Lourenço de Gusmão, por meio de seus trabalhos no campo da aerostação, tornou-se um dos precursores da aviação, motivo pelo qual é cultuado como paradigma de dedicação, zelo e amor à aeronáutica.

A Medalha Bartolomeu de Gusmão foi criada pelo decreto n° 68.886, de 06 de julho de 1971, sendo uma distinção concedida aos militares e civis pelos serviços prestados à FAB.

 

Fotos: Sargento Bianca Viol / CECOMSAER


Confira o vídeo.