TECNOLOGIA

ITA passa a ter setor no Parque Tecnológico de São José dos Campos

Objetivo é estar mais próximo do setor produtivo, fomentando pesquisas para os setores aeronáutico e aeroespacial
Publicado: 16/02/2017 12:05h
Imprimir
Fonte: ITA
Edição: Agência Força Aérea, por Ten Emília Maria

O Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) inaugurou, na terça-feira (14/02), o "Espaço ITA", dentro do Parque Tecnológico São José dos Campos, interior de São Paulo. Esta é a primeira vez que o Instituto mantém uma unidade fora do campus.

O objetivo é estar mais próximo do setor produtivo, fomentando pesquisas principalmente para o setor aeronáutico e aeroespacial. “Estar no Parque Tecnológico é uma maneira de promover maior interação do Instituto com empresas do setor e com o próprio Parque”, diz o reitor do ITA, professor Anderson Ribeiro Correia. “Assim, o ITA reforça sua missão que envolve a promoção das ciências e das tecnologias relacionadas com as atividades aeroespaciais”, complementa.

O Vice-Diretor do Departamento de Ciência e Tecnologia da Aeronáutica (DCTA), Major-Brigadeiro Engenheiro Fernando César Pereira Santos, destaca a importância da parceria com a indústria no setor de ciência e tecnologia. "Esse é um espaço a mais para fomentar a interação com empresas nacionais e internacionais", enfatizou.

“A missão do Parque é ser articulador de parcerias. Por isso, presenciar a união de duas instituições de peso, que visam a um mesmo objetivo, é muito importante. Queremos fomentar o desenvolvimento tecnológico e industrial do País, por meio da pesquisa e desenvolvimento, além de criar condições para que as instituições possam interagir nesse sentido. O ITA sempre apoiou todas as atividades aqui do Parque, estando sempre presente, e agora essa presença é oficial”, afirmou o diretor-geral do Parque Tecnológico São José dos Campos, Marco Antonio Raupp.

O secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de São José dos Campos, Alberto Alves Marques Filho, afirmou que a formalização impulsiona o que já é uma parceria de sucesso. "Em todas as atividades do Parque Tecnológico nota-se a presença constante de engenheiros e pesquisadores oriundos do ITA. Estas aproximações físicas sempre rendem novas ideias e novos experimentos, portanto são muito positivas", disse.

Ampliando as parcerias - Ainda no evento, o ITA assinou um Acordo de Cooperação Técnica com o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), do Estado de São Paulo. O acordo tem o objetivo de estabelecer cooperação para o intercâmbio de alunos de graduação e pós-graduação e pesquisas na área de materiais e estruturas leves. Outro benefício é poder utilizar a infraestrutura do Laboratório de Estruturas Leves (LEL), do IPT, instalado no Parque.