ESPORTE

Militares da FAB encerram ciclo de competições em pentatlo e triatlon

Disputa mais recente foi o 12º Campeonato Brasileiro Aberto de Pentatlo Aeronáutico na CDA
Publicado: 06/12/2016 10:00
Imprimir
Fonte: CDA
Edição: Agência Força Aérea, por Ten Emília Maria

A Comissão de Desportos da Aeronáutica (CDA) realizou, de 1º a 4 de dezembro, no Rio de Janeiro, o 12º Campeonato Brasileiro Aberto de Pentatlo Aeronáutico. Na competição, foram utilizadas as novas instalações do Centro de Treinamento Olímpico da Aeronáutica, Sede Afonsos, construídas para os jogos Rio 2016.

A competição teve como objetivo estimular a prática da modalidade, além de selecionar os melhores atletas para representar a equipe brasileira, atual campeã mundial da modalidade.

O Coronel Claudio Henrique Lima, coordenador da competição, comemorou os bons resultados do campeonato. “A competição foi excelente, atingimos todos os objetivos que traçamos, principalmente o de descoberta de novos talentos. Tivemos uma Cadete sendo campeã, fato que não ocorria há algum tempo. Fizemos, ainda um congraçamento com a equipe do Equador, possibilitando desenvolver, ainda mais, a modalidade na América”, ressaltou.

Neste ano, a competição contou com uma novidade, que foi a realização da prova combinada de orientação e tiro, sendo mundialmente a primeira vez que se realiza uma prova neste modelo. O Vice-Presidente da CDA, Coronel Pedro Celso Gagliardi Palermo, destacou as modificações da prova. “Pelas regras atuais, o tiro é feito dentro de um estande e a orientação não tem troca de mapas obrigatória. A intenção é tornar a disputa mais próxima da realidade de um piloto em evasão num terreno hostil. Além disso, a prova combinada torna a modalidade mais atrativa para o público, já que os espectadores podem acompanhar a prova e ver os atletas entrando e saindo da arena de tiro e passando pelos pontos de controle de orientação que estão próximos àquela área”, explicou. “Essa é uma proposta do Brasil que está em fase de testes, sendo esse o primeiro teste. Se der certo e for aprovada, entrará para modalidade de pentatlo aeronáutico”, acrescentou o Coronel.

Participaram 21 militares da Força Aérea Brasileira (FAB) e seis atletas da Força Aérea Equatoriana (FAE), país convidado a participar do evento, visando a troca de experiências e a descoberta de novos talentos do esporte. A competição reuniu experientes atletas da modalidade com cadetes da Academia da Força Aérea (AFA) e alunos da Escola de Especialistas da Aeronáutica (EEAR).

O Cadete Aron Tailer, primeiro colocado na prova de esgrima, acredita que a prática esportiva ajuda no seu desenvolvimento como militar. “Nossa vida de cadete é muito intensa, temos que fazer os mais diversos exercícios, missões e atividades e a esgrima ajuda muito na perseverança e força de vontade. Na esgrima, às vezes estamos perdendo, mas temos que manter o foco e a concentração, da mesma forma que na vida profissional e pessoal.”

Mais Pentatlo - No final de novembro, dois militares da FAB se destacaram no Campeonato Brasileiro de Verão de Pentatlo Moderno, realizado na Academia das Agulhas Negras (AMAN). A competição foi organizada pela Confederação Brasileira de Pentatlo Moderno e teve a participação de cerca de 90 atletas.

O Sargento Felipe Nascimento, que representou o Brasil nos Jogos Olímpicos Rio 2016, garantiu a medalha de Prata na competição e, com o resultado, fechou o ano de 2016 como o número 1 do Ranking Nacional. "Fico muito feliz com esse resultado, eu sabia que o pódio viria e por 14 segundos não conquistei o Ouro. Foi um ano bastante intenso, muito proveitoso", disse o militar. "O apoio da FAB tem sido fundamental para o nosso desempenho, o resultado do Campeonato Brasileiro e os dois primeiros lugares no Ranking Nacional este ano provam isso", finalizou.

O bronze foi para outro militar da FAB, o Sargento William Muinhos que garantiu a segunda colocação no Ranking.

Triatlon - O Sargento Danilo Pimentel, da CDA, conquistou a medalha de Bronze para o Brasil no Campeonato Panamericano de Triatlon, realizado no 27 de novembro, em Buenos Aires, Argentina. "Foi uma prova consistente nas três modalidades. A competição contou com grandes atletas e eu sabia que não poderia cometer erros. Estou feliz em acabar a temporada com essa conquista.” comemorou.

A competição envolveu a distância olímpica, com 1500m de natação, 40km de ciclismo e mais 10km de corrida.