ORDEM DO DIA

DIA DA BANDEIRA NACIONAL

Símbolo nacional é celebrado no dia 19 de novembro
Publicado: 19/11/2016 06:00
Imprimir
Fonte: GABAER

ORDEM DO DIA DO COMANDANTE DA AERONÁUTICA

Brasília, 19 de novembro de 2016.

Quatro dias após a Proclamação da República o povo brasileiro adotara o mais importante dos símbolos do nosso país – a Bandeira Nacional.

Proveniente de estandartes e antigos brasões, foi concebida numa época em que a nação brasileira estabelecia sua independência e conquistava a tão almejada liberdade.

Firme e esperançosa, ela representa em seus traços e cores a grandiosidade das riquezas naturais e as tradições da nossa gente. É, também, resultado da coragem e determinação de pessoas vindouras de diversas partes do planeta e que aqui construíram uma nova morada.

Desde nossas origens, aprendemos a conviver harmoniosamente com as diferenças, quais sejam religiosas, culturais, ideológicas ou raciais. Isto certamente contribuiu para nossa vocação em prezar pelo diálogo, pela democracia, pela integridade nacional e pela paz.

O Pavilhão Nacional espelha o civismo e a brasilidade do povo. Ao mesmo tempo, exalta a importância do constante aprimoramento dos meios necessários para mover esse gigante, chamado Brasil, rumo ao progresso socioeconômico que todos desejamos.

"O amor como princípio e a ordem como base; o progresso como meta". Este pensamento positivista deu origem às palavras estampadas em nosso auriverde pendão e muito tem a ver com a vida castrense. Escolhemos o sacerdócio militar por amor a farda que ostentamos, a hierarquia e a disciplina como balizador de nossa conduta. A vontade de tornar o nosso país mais justo e soberano impulsiona nossos esforços para o futuro promissor que nos cabe.

Por tudo aquilo que simboliza, seja nos momentos de conquistas ou de pesar, devemos oferecer o mais respeitoso afeto e se necessário nos submeter aos mais profundos sacrifícios em sua proteção.

Neste dia, sintam-se abraçados por esse insubstituível manto e relembrem sempre o orgulho que sentimos por sermos brasileiros.

 

Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato
Comandante da Aeronáutica