RIO 2016

Sargentos da FAB comemoraram o 6º lugar da ginástica artística por equipes

Sargentos Arthur Zanetti e Arthur Nory são promessas de medalha na competição individual
Publicado: 08/08/2016 19:10
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Ten Cynthia Fernandes

A equipe brasileira masculina de ginástica não conquistou uma medalha na Olimpíada Rio 16. Mas estreou e garantiu um marco na história do País: participar de uma final da competição mundial. O time, nesta segunda-feira (08/08), ficou em 6º lugar na classificação por equipe, com a participação de dois sargentos da Força Aérea Brasileira, integrantes do Programa de Atletas de Alto Rendimento das Forças Armadas.

Na prova por equipes, o Sargento Zanetti melhorou a pontuação alcançada na classificatória  e conseguiu subir o desempenho do Brasil nas argolas, com menor dificuldade, e somou 15,566 pontos. Vale lembrar que o militar permanece na luta pelo bicampeonato olímpico, já que conquistou ouro em Londres 2012, e pretende lutar para subir novamente ao pódio. “Muita gente espera a minha vitória”, afirma.

Apesar de não levarem uma medalha, a esperança não acabou. Os sargentos Arthur Zanetti e Arthur Nory disputam finais das provas individuais nas argolas e, individual geral e solo, respectivamente. Diego Hypólito também concorre uma medalha na prova no solo; Sérgio Sasaki, no individual geral; e Francisco Barreto, na barra fixa.


  Foto: Jonne Roriz/Exemplus/COB