RIO 2016

UNIFA sedia evento do Ministério da Defesa e do Conselho Internacional do Esporte Militar

Comandantes das Forças Armadas foram agraciados com medalhas do CISM
Publicado: 07/08/2016 23:05
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Tenente Emília Maria

O Ministério da Defesa e o Conselho Internacional do Esporte Militar (CISM) apresentaram à imprensa, militares e atletas de alto rendimento das Forças Armadas, um panorama do trabalho das instituições no suporte aos esportistas. O evento foi realizado neste domingo na Universidade da Força Aérea (UNIFA), no Rio de Janeiro.

O papel do esporte na busca da paz e da união entre as Nações foi destacado em todas os pronunciamentos. “O esporte antecipa o que às vezes é negado nas relações no mundo, que é o respeito mútuo, o compartilhamento. Mas desejamos que o sonho de um mundo melhor seja realidade”, disse o Ministro da Defesa, Raul Jungmann.

presidente do CISM, Coronel Abdulhakeem Alshano, lembrou que a primeira medalha do Brasil nos Jogos Olímpicos Rio 2016 foi conquistada pelo Sargento do Exército, Felipe Wu, que faz parte do Programa de Alto Rendimento das Forças Armadas. “Mas não se trata apenas de índice olímpico, é também sobre fair play (jogo limpo) e usar o esporte como ferramenta para promover a paz”, destacou o Coronel.

Na ocasião, foi realizada a imposição da Medalha da Ordem do Mérito CISM a algumas personalidades, entre elas o Ministro da Defesa, Raul Jungmann, e os Comandantes da Marinha, do Exército e da Aeronáutica. A medalha é concedida às pessoas que tenham contribuído para o desenvolvimento do esporte nas Forças Armadas.

O Ministério da Defesa também realizou entrega de medalhas aos integrantes do CISM. Eles foram agraciados com a Medalha Mérito Desportivo Militar, destinada a militares brasileiros que tenham se destacado em competições ou a brasileiros e estrangeiros que tenham prestado relevantes serviços ao desporto militar do Brasil.

O encontro marcou, ainda a abertura do Clube CISM, localizado na própria UNIFA, e que vai funcionar durante a Olímpiada no Rio como um ponto de encontro oficial para atletas militares brasileiros e estrangeiros. O espaço conta com um centro de mídia, a cargo do Conselho, onde serão realizadas coletivas de imprensa, encontros e entrevistas com atletas militares e que também divulgará os resultados da participação dos atletas militares nas provas olímpicas.

Ao final do evento, a Banda de Música dos Fuzileiros Navais fez uma apresentação com repertório de canções tradicionais brasileiras como Asa Branca e Aquarela do Brasil.

Assista à matéria do evento: