AJUDA

FAB transporta estudantes e professores universitários do Projeto Rondon

Os estudantes foram transportados em duas aeronaves C-99
Publicado: 07/07/2016 16:41
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Ten João Elias

A Força Aérea Brasileira (FAB) disponibilizou, nesta quinta-feira (07/07), duas aeronaves para transportar 60 integrantes do Projeto Rondon para Natal (RN). No Estado, os rondonistas, como são conhecidos, vão participar, de 08 a 23 de julho, da Operação denominada “Forte dos Reis Magos”.

Uma aeronave C-99 decolou de Anápolis (GO) para Natal (RN) com 30 passageiros às 13h. Outra aeronave C-99 saiu de Campo Grande (MS) com dez integrantes do projeto para Brasília (DF), onde mais 20 passageiros foram embarcados. Em seguida, a aeronave decolou para Natal (RN).

“O apoio da FAB é muito importante, pois facilita o deslocamento dos estudantes”, ressaltou a professora Ellen Freitas, do curso de Farmácia da Universidade Católica de Brasília.

Na programação consta uma visita dos integrantes do projeto à Base Aérea de Natal (BANT), neste sábado (09/07), onde eles vão conhecer as atividades desenvolvidas pela unidade, as aeronaves utilizadas e as formas de ingresso na instituição.

A operação – Denominada “Forte dos Reis Magos”, a operação tem como propósito levar, ao total, 210 professores e universitários de 21 Instituições de Ensino Superior a 10 municípios com baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) nas proximidades da cidade de Natal. Nos municípios, eles vão transmitir práticas de desenvolvimento sustentável às comunidades da região, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida de suas populações.

A ação visa, também, fazer com que o universitário conheça uma realidade diversa da existente em sua região de origem e perceba a efetiva aplicação do conhecimento adquirido na sala de aula em prol da sociedade.

As cidades a serem visitadas são: Acari, João Câmara, Montanhas, Pedro Velho, Riachuelo, Rio do Fogo, Santana do Matos, São José do Mipibu, São Miguel do Gostoso e Serra Negra do Norte.

A estudante Fernanda Baptistella Hernandes é do Curso de Agronomia e juntamente com os colegas da Universidade do Estado do Mato Grosso do Sul (UEMS) vão ficar sediados na cidade de Acari, cuja economia gira em torno da agricultura e pecuária. “Nós vamos desenvolver várias atividades, como oficinas de adubos verdes, cooperação agrícola, além de outras na área de engenharia ambiental e florestal”, explicou.

Rondon - O projeto é coordenado pelo Ministério da Defesa, com o apoio dos Governos Federal, Estadual e Municipal, juntamente com as Instituições de Ensino Superior. E, nos últimos onze anos, atendeu cerca de 1.100 municípios brasileiros de 23 Estados em todas as operações realizadas.

“O Projeto Rondon é muito importante para as Forças Armadas e para o próprio Brasil, pois traz retorno efetivo para a comunidade”, concluiu o Tenente-Brigadeiro Ricardo Machado Vieira, Secretário de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto do Ministério da Defesa.

 

Veja abaixo como foi o embarque dos universitários e a entrevista com o Brigadeiro Augusto César Amaral, que é Coordenador-Geral do Projeto Rondon no Ministério da Defesa.