RIO 2016

Simpósio discute participação da Infantaria da Aeronáutica nos Jogos Olímpicos

Evento contou com a presença de 61 militares
Publicado: 28/03/2016 14:20
Imprimir
Fonte: IV COMAR
Edição: Agência Força Aérea, por Ten Nishimori

Simp�sio reuniu mais de 60 militares em SPO Quarto Comando Aéreo Regional (IV COMAR) realizou o 1° Simpósio da Infantaria da Aeronáutica, entre os dias 15 e 17 de março, com o objetivo de discutir temas relacionados às missões da Infantaria por ocasião dos Jogos Olímpicos 2016, principalmente na esfera da formação e adestramento dos efetivos de segurança e defesa. Participaram do encontro 61 militares dos quadros de Infantaria e Armamento, abrangendo todos os batalhões e companhias da área do Quarto Comando Aéreo Regional (IV COMAR), além de oficiais e graduados de outros quadros que atuam na área de segurança de suas organizações.

Segundo o coordenador do simpósio, Tenente-Coronel de Infantaria Ivan Edson Gomez, foram discutidos diversos assuntos relacionados às atividades operacionais a serem desempenhadas diariamente e por ocasião dos Jogos Olímpicos 2016.

Simp�sio da Infantaria recebeu palestrantes da PMO Tenente-Coronel Ivan ressaltou, ainda, que as soluções apresentadas podem elevar o grau de prontidão e capacitação dos militares das Unidades de Infantaria e dos que tiram serviço de segurança em todas as Organizações Militares (OMs). Além de palestrantes da Aeronáutica, o evento recebeu militares do Grupo de Ações Táticas (GATE) e do Esquadrão de Bombas, ambos pertencentes à Polícia Militar do Estado de São Paulo.

O Tenente de Infantaria João Lourenço Espolaor Neto, participante do simpósio, destacou a importância da comunicação entre os militares que participarão das ações. "A iniciativa do simpósio foi muito boa. Durante as discussões retiramos muitas dúvidas sobre como será a nossa atuação", afirma o Tenente Espolaor, do efetivo do IV COMAR.

Os militares participantes estão aptos a serem disseminadores das doutrinas discutidas, bem como fazer uso dos conhecimentos adquiridos para a atualização de documentos normativos e processos de formação, preparação e condução das ações de segurança e defesa de suas organizações militares.