RIO 2016

Inaugurado no RJ ginásio poliesportivo da FAB para treinamento nos Jogos Olímpicos

A instalação fica no campus da Universidade da Força Aérea (UNIFA), no Campo dos Afonsos
Publicado: 15/03/2016 18:50
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Ten Flávio Nishimori

 

O ministro da Defesa, Aldo Rebelo, inaugurou, nesta terça-feira (15/03), o ginásio poliesportivo do Centro Olímpico de Treinamento dos Afonsos, localizado no campus da Universidade da Força Aérea (UNIFA), no Campo dos Afonsos, Rio de Janeiro. O evento contou com as presenças do ministro do Esporte, George Hilton; do Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato; e do Comandante da UNIFA e Presidente da Comissão de Desportos da Aeronáutica (CDA), Major-Brigadeiro do Ar Paulo João Cury.

“As instalações da área militar serão entregues dentro do prazo para os Jogos Olímpicos e teremos depois, naturalmente, equipamentos para prosseguir o esforço do Brasil e do Ministério da Defesa nos esportes de alto rendimento e de base”, avaliou o ministro da Defesa, Aldo Rebelo.

Durante a inauguração do ginásio, o ministro Rebelo também ressaltou que o papel das Forças Armadas não se restringe somente à questão da segurança e defesa nos Jogos. Ele pontuou a colaboração na área do desporto militar, como na construção de parte dos equipamentos a serem utilizados no treinamento e realização das Olimpíadas e na preparação dos atletas de alto rendimento.

“As Forças Armadas já foram responsáveis, com seus atletas, pela conquista de uma parte das medalhas nas Olimpíadas de Londres e mais recentemente nos Pan-Americanos. E estamos preparando uma presença importante no Rio de Janeiro”, explicou o ministro da Defesa. “Além disso, participamos da formação de base, por meio do Programa Forças no Esporte, com 20 mil crianças”, complementou Aldo Rebelo.
Ginásio
O ginásio, com cerca de 1.200 metros quadrados de área total, será utilizado para o treinamento dos atletas tanto nos Jogos Olímpicos quanto nos Paralímpicos. O projeto de construção levou em consideração aspectos de sustentabilidade e acessibilidade. Os vestiários e banheiros foram planejados pensado nas pessoas portadoras de necessidades especiais. Além disso, há uma plataforma para facilitar o acesso às arquibancadas. Já a água dos chuveiros é aquecida por meio de painéis solares.

Uma outra novidade é o piso "flutuante", que diminui o impacto nos atletas durante os treinos ou partidas. Com capacidade para 160 lugares, o local possui marcações para as modalidades de voleibol, handebol, basquete e futebol de salão. O espaço conta ainda com um mezanino de 180 metros quadrados que será aparelhado com equipamentos de musculação.

“A Força Aérea já tem uma tradição na parte de esportes, principalmente no Campo dos Afonsos. A ampliação desse complexo esportivo vai fazer com que tenhamos uma condição destacada de treinamento para os nossos atletas”, ressaltou o Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato, referindo-se aos participantes do programa de alto rendimento da Aeronáutica.

Depois da inauguração, os ministros e o Comandante da Aeronáutica conheceram outras instalações do Centro de Treinamento. Uma delas foi a piscina, toda em aço inoxidável, cujo prazo de conclusão está previsto para abril.  O ministro do Esporte, George Hilton, destacou a importância da parceria com as Forças Armadas para a realização das Olimpíadas no Brasil.

“As unidades das Forças Armadas têm sido, para nós, locais ideais não só para utilizarmos como treinamento de atletas de alto rendimento, mas também, para desenvolver programas de base. E a UNIFA está de parabéns. Tenho certeza que teremos aqui uma estrutura que vai ficar como um grande legado. Estamos preparados e faremos um grande evento, uma grande Olimpíada”, afirmou o ministro George Hilton.