CERTIFICAÇÃO

ICEA concede primeiro Certificado de Avaliação de Conformidade à empresa brasileira

O equipamento auxilia a navegação aérea
Publicado: 18/12/2015 08:00
Imprimir
Fonte: DECEA

ICEA concede primeiro Certificado de Avaliação de   ICEAO Instituto de Controle do Espaço Aéreo (ICEA), localizado em São José dos Campos (SP), realizou terça-feira (15/12) a cerimônia de entrega do Certificado de Avaliação de Conformidade do equipamento DME 0200, fabricado pela empresa IACIT Soluções Tecnológicas S/A. O DME é um equipamento de auxílio à navegação aérea e mede a distância na qual a aeronave está de determinado ponto durante o vôo e, associado a auxílios de solo, como o VOR e o ILS, provê navegação em voos por instrumento.

“Este dia será lembrado como um marco histórico neste instituto, é o dia da coroação do primeiro processo de certificação. A IACIT é a primeira empresa nacional a receber o certificado”, afirmou o Diretor do ICEA, Coronel Aviador Ivan Bettocchi Batalha Dittz.

Segundo o presidente da IACIT, Luiz Carlos Teixeira, o desenvolvimento do DME 0200 demorou cerca de três anos e custou cerca de R$ 5 milhões, dos quais 50% foram subvencionados pela Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), empresa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. Ainda segundo ele, dois países, cujos nomes não foram revelados, devem adquirir o equipamento. “Eles aguardavam a certificação, o que já aconteceu, e aguardam agora a compra do equipamento pela Força Aérea”, apontou Teixeira. ICEA concede primeiro Certificado de Avaliação de   ICEA

De acordo com o Diretor do Subdepartamento Técnico do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), Brigadeiro Engenheiro Fernando César Pereira Santos, devido à natureza dos serviços que o DECEA presta, as soluções tecnológicas precisam ser viabilizadas com rapidez. “O DECEA está ligado ao desenvolvimento de serviços que não podem esperar. O processo de certificação está atraindo outras iniciativas, que geram empregos de qualidade para o Brasil, e isto é motivado pelo trabalho do ICEA”, avaliou.

Processo de Certificação - Desde o no de 2012, a partir de mudança do Regimento Interno da organização militar, compete ao ICEA realizar o processo de certificação no âmbito do Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (SISCEAB). O Parque de Material de Eletrônica da Aeronáutica do Rio de Janeiro (PAME-RJ) e o Grupo Especial de Inspeção em Voo (GEIV) tiveram participação fundamental nos ensaios realizados com o DME 0200. Foi verificado se o produto atende às normas previstas no Anexo 10 da Organização de Aviação Civil Internacional (OACI), que trata de Telecomunicações Aeronáuticas, se a documentação está de acordo e checado o seu funcionamento.

ICEA concede primeiro Certificado de Avaliação de   ICEASegundo o secretário de Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia de São José dos Campos, Sebastião Gilberti Maia Cavali, o processo de certificação é fundamental para fomentar a indústria. “A Força Aérea é uma instituição que acredita no conhecimento e tem um papel decisivo para fomentar a indústria nacional de defesa. Sem a certificação não temos mercado, sem mercado não temos indústria e nem empregos”, observou.

Atualmente, outros quatro processos de certificação de conformidade estão em andamento no ICEA: o radar Saber, da empresa Bradar; o radar LP23 SST Omnisys; o sistema AIM-BR; e órgãos operacionais.