OPERACIONAL

Aeronaves da FAB iniciam combate ao fogo na Chapada Diamantina

Um helicóptero Super Puma vai ajudar no transporte de brigadistas para áreas de difícil acesso
Publicado: 18/11/2015 09:55
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea

  Uma aeronave Hércules C-130 e um helicóptero Super Puma da Força Aérea Brasileira (FAB) começam a ser empregados a partir desta quarta-feira (18/11) no combate ao incêndio na Chapada Diamantina, na Bahia. A base das operações será no município de Lençóis, distante cerca de 400 km da capital baiana, Salvador.

O Hércules é equipado com o sistema chamado MAFFS, do inglês Modular Airborne Fire Fighting System. O aparelho é composto por cinco tanques de água e dois tubos que se projetam pela porta traseira do C-130. Esse sistema pode levar até 12.000 litros de água. O lançamento por meio de pressão dura poucos segundos e a própria inércia se encarrega de espalhar o líquido sobre o fogo. Após o lançamento, a aeronave volta para base, onde recebe um novo carregamento de água. O processo de recarga dura cerca de 12 minutos.

“Será um trabalho coordenado com o Corpo de Bombeiros para sabermos em quais focos atuaremos”, explica o Major Aviador Rogério Vieira Maciel Junior, comandante da aeronave.

Na tarde da terça-feira (17/11) uma outra aeronave C-130 Hércules pousou em Lençóis (BA) com 20 toneladas de equipamentos de apoio para a operação de combate ao incêndio. No carregamento estavam compressor, piscinas e moto-bombas utilizadas no sistema MAFFS, além de fonte de força e empilhadeira.

Difícil acesso

  Já o helicóptero H-34 Super Puma será empregado para o transporte de tropa. De acordo com o Comandante-Geral do Corpo de Bombeiros do Estado da Bahia, Coronel Francisco Luiz Telles de Macedo, há muitos locais onde o acesso só é possível por meio do helicóptero ou caminhada, que pode durar de duas a três horas. Em média a aeronave tem capacidade para traslado de 16 pessoas.

“Um percurso muito longo estafaria o pessoal antes do combate. A aeronave permite que os militares cheguem inteiros a essas regiões além de possibilitar o transporte de uma quantidade maior de equipamentos”, explica o Coronel. “Com o apoio da FAB estaremos ampliando a capacidade técnica de combater os incêndios que proliferam na chapada nesta época do ano”, complementa o comandante do Corpo de Bombeiros.

Veja o vídeo sobre a preparação das aeronaves em Lençois (BA):