SEMINÁRIO

SERIPA I reunirá 400 profissionais da aviação em Belém

Publicado: 17/10/2013 13:45
Imprimir
Fonte: CENIPA
Aeroporto Internacional de Belém- Júlio Cezar   O Primeiro Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA I) promove, em parceria com o Primeiro Comando Aéreo Regional (COMAR I), o 8º Seminário de Segurança de Voo. O evento, que reunirá cerca de 400 profissionais da aviação, acontece no dia 24 de outubro, no Hangar do Centro de Convenções da Amazônia, em Belém (PA).

De acordo com o Chefe do SERIPA I, Tenente-Coronel Aviador Maurício Teixeira Leite, o seminário tem por finalidade disseminar a prevenção de acidentes aeronáuticos e elevar o nível de percepção da comunidade da aviação. A iniciativa também faz parte das comemorações da Semana da Asa 2013, período em que são festejados o Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira, na reafirmação da cultura aeronáutica no país.

 “Nosso trabalho de prevenção é um alerta à correta supervisão gerencial das empresas na observação dos regulamentos e na aderência às normas para evitar violações que podem render graves acidentes, sob pena de comprometer a operação da empresa e a segurança dos passageiros," explicou o chefe do Serviço Regional, Tenente-Coronel Teixeira.

Durante o seminário, a programação reunirá nomes de destaque no cenário da aviação civil brasileira. A palestra dirigibilidade dos balões, que será proferida pelo professor Luiz Carlos Bassalo Crispino, apresentará o enfoque histórico sobre a trajetória do paraense Julio Cezar Ribeiro, que viveu no final do século XIX, reconhecido como inventor da dirigibilidade dos balões, com significativa contribuição aos inventos de Santos-Dumont. O nome do Aeroporto Internacional de Belém - Julio Cezar Ribeiro - é uma homenagem ao inventor.

Crimes aeronáuticos será o foco da palestra do Juiz Federal Marcelo Honorato, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região. O tema atrai o interesse dos profissionais pela abordagem jurídica à luz da legislação aeronáutica. O juiz Honorato atuou como piloto e investigador no SERIPA I, no período de 2007 a 2010, quando se despediu da Força Aérea Brasileira para desempenhar atividades no Poder Judiciário, tornando-se um colaborador da segurança de voo no Brasil.

Outro tema que se destaca no meio aeronáutico será sobre os requisitos necessários para a implantação do Sistema de Gerenciamento da Segurança Operacional (SGSO) nas empresas de táxi aéreo, palestra a cargo do representante da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), inspetor Mario Dias. Finalizando a programação, o engenheiro Paulo Soares, da EMBRAER, falará sobre a doutrina de segurança de voo, que discutirá as consequências da tomada de decisão do piloto durante o voo.

Estão inscritos para participar do evento, pilotos, tripulantes, alunos de escolas de aviação, proprietários de empresas aéreas, além de autoridades aeronáuticas da região. O SERIPA I atua nos do Pará, Amapá e Maranhão.