ESPORTE

Atleta da FAB conquista primeira medalha de ouro do Brasil no Aikido

Publicado: 02/10/2013 16:30
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea

Brasil é ouro no Aikido  Delegação BrasileiraEntre os dias 19 e 23 de setembro de 2013, o Brasil conquistou a primeira medalha de ouro do mundial de Aikido, realizado na cidade de Kawasaki, no Japão. Cabo Sérgio Gonçalves de Lima, integrante do efetivo da Diretoria de Engenharia da Aeronáutica (DIRENG) e conhecido em São Gonçalo (RJ) pelo trabalho social que mantém, foi o atleta responsável pelo feito histórico.

O décimo torneio internacional de Aikido, evento promovido a cada dois anos e o mais importante do esporte desde sua primeira edição em 1989, contou com a participação de cerca de 140 atletas, representantes de mais de dez países. Sérgio e seu parceiro de equipe, Jo Tada, chegaram ao primeiro lugar do pódio na categoria Randori no Kata para competidores faixa preta. A apresentação consiste na aplicação de técnicas num período de até dois minutos, avaliados pela mesa de júri.
“A sensação é somente de uma felicidade muito grande. Ser o primeiro brasileiro a trazer a medalha de ouro é incrível, principalmente com a dificuldade que a gente tem de praticar e promover o Aikido no Brasil”, declara Sérgio, que contou com a ajuda dos amigos para participar do campeonato.
Com o histórico crescente de bons resultados, que começaram em 1997 na primeira competição que participou no Japão, Cabo Sérgio já foi medalhista de bronze em outras edições do mundial. “Passei por competições na Austrália, nos Estados Unidos e várias vezes no Japão, mas meu melhor resultado foi o terceiro lugar por três vezes seguidas, em 2005, 2007 e 2009”, lembra o medalhista. “O ouro só vem mostrar que a gente está fazendo o trabalho certo e todo nosso agradecimento vai para o mestre Hirofumi Tada e para o mestre Tanishige, pois, sem eles, essa conquista não seria possível”, conclui.Foto oficial com os competidores do mundial de aikido  Organização do evento
Sérgio é morador de Niterói, mas mantém um projeto social em São Gonçalo, cidade localizada á 25km do Rio de Janeiro. Desde 2011, é professor de Aikido para crianças vítimas de violência doméstica e sexual e está determinado: quer levar um dos alunos para o próximo mundial. “Meu maior objetivo agora é continuar trabalhando com as crianças e adolescentes do projeto pra voltar com tudo no mundial de 2015 e levar, inclusive, um deles comigo pra representar o Brasil”.
Sobre o esporte - O Aikido é uma arte marcial japonesa desenvolvida por Morihei Ueshiba. Em síntese, é um conjunto de estudos marciais, aliados á crenças filosóficas e religiosas normalmente traduzidas como “o caminho da unificação da energia da vida”. A intenção de Ueshiba era de criar uma arte que fosse baseada no desenvolvimento da defesa pessoal a partir dos golpes do adversário. O Aikido redireciona a força do ataque, ao invés de combatê-la frontalmente. Isso exige pouca energia física e demonstra um tipo de luta inteligente e eficaz. Vale lembrar que o aikido, como esporte competitivo, primeiramente, desenvolvido na Universidade de Waseda, Japão, por Kenji Tomiki, foi trazido pelo mestre Hirofumi Tada, que passou a difundir a modalidade no Brasil a partir dos  anos 1980.