SEGURANÇA DE VOO

Comunidade aeroagrícola participa de seminário no Rio Grande do Sul

Publicado: 22/05/2013 12:30
Imprimir
Fonte: CENIPA

A sua vida depende da segurança de voo foi o tema enfocado pelo Quinto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA V), no Seminário Nacional de Aviação Agrícola, realizado nos dias 16 e 17 de maio, na cidade de Cachoeira do Sul (RS), distante 250 quilômetros da capital gaúcha.

O chefe do SERIPA V, Tenente-Coronel Aviador Carlos Emmanuel de Queiroz Barboza, disse que 60% dos acidentes aeroagrícolas acontecem devido à indisciplina de voo, falha na aplicação dos comandos da aeronave, aspectos psicológicos, planejamento da missão, julgamento e supervisão do voo, além de outros aspectos. “A oportunidade para explicar detalhadamente a influência de cada fator contribuinte no acidente eleva a percepção e mantém alerta os profissionais da aviação agrícola”, afirmou o chefe do SERIPA V.

Com a chamada para discutir os rumos da aviação agrícola no país, o Sindicato Nacional dos Aeronautas conclamou empresários e pilotos para participar do evento. Além da importância da segurança de voo e da troca de experiências entre profissionais, foram atualizadas informações sobre a legislação de segurança de voo, bem como outros assuntos de interesse da categoria. Os participantes também foram informados acerca das estatísticas dos acidentes aeroagrícolas e lembrados quanto à obrigatoriedade da comunicação das ocorrências ao órgão investigador. O estudo de casos envolvendo a aviação agrícola destacou os fatores contribuintes para os acidentes.

A Embraer alinhou o foco do tema com a palestra “doutrina de segurança de voo aplicada à manutenção de aeronave agrícola”, reforçando os objetivos da prevenção. Participaram do seminário pilotos, empresários, profissionais de manutenção, técnicos e auxiliares agrícolas, além de empresas ligadas à atividade aeroagrícola de todo o país.