PÁGINA INICIAL > NOTICIAS > IMPRIME > 33688 > HOMENAGEM MILITARES DA FORçA AéREA BRASILEIRA RECEBEM A ORDEM DO MéRITO JUDICIáRIO MILITAR

HOMENAGEM

Militares da Força Aérea Brasileira recebem a Ordem do Mérito Judiciário Militar

Publicado: 2019-03-28 18:22:52
A condecoração foi entregue nos graus Grã-Cruz, Alta Distinção, Distinção e Bons Serviços

O Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, recebeu, nesta quinta-feira (28/03), a Ordem do Mérito Judiciário Militar (OMJM) Grau Grã-Cruz, em Brasília (DF), durante a solenidade comemorativa ao 211° aniversário da Justiça Militar da União. Também receberam a condecoração o Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro; o Vice-Presidente, Antonio Hamilton Martins Mourão; a Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge; e os Comandantes da Marinha do Brasil e do Exército Brasileiro, entre outras autoridades.

“Eu me sinto muito honrado em ter sido agraciado, mas o reconhecimento maior é à Força Aérea, que está sendo homenageada", declarou o Tenente-Brigadeiro Bermudez.

A condecoração foi entregue, ainda, nos Graus Alta Distinção, Distinção e Bons Serviços a parlamentares, embaixadores, desembargadores, juízes federais, professores e técnicos judiciários, além de outras personalidades. Militares da Força Aérea Brasileira (FAB) de diversas patentes também receberam a OMJM.

O Comandante da Universidade da Força Aérea (UNIFA), Major-Brigadeiro José Isaias Augusto de Carvalho Neto, recebeu a Comenda no Grau Alta Distinção. “É um motivo de orgulho muito grande, hoje, como oficial-general, ser agraciado com essa condecoração de uma das instituições mais antigas do judiciário brasileiro”, destacou.

Uma das agraciadas no Grau Bons Serviços foi a Sargento Stela da Silva Rosa que trabalha há nove anos na Ala 1, em Brasília (DF). “É uma honra muito grande, fico lisonjeada em receber essa condecoração, que representa que meu trabalho está sendo reconhecido”, ressaltou.

A Comissão de Aeroportos da Região Amazônica (COMARA) também foi condecorada com a insígnia da Ordem do Mérito Judiciário Militar.

A OMJM foi criada pelo Superior Tribunal Militar (STM), em 12 de junho de 1957, para reconhecer pessoas e instituições que tenham prestado relevantes serviços à Justiça Militar da União. Além de ser uma forma de reconhecimento dos trabalhos prestados pelos próprios integrantes da Casa, a comenda também é dirigida a membros de outras instituições.

“A partir dessa data, as instituições e os ilustres agraciados terão seus nomes inseridos no nosso livro de honra, onde estão todos aqueles que contribuíram com o engrandecimento da Justiça Militar da União”, afirmou o Chanceler da Ordem do Mérito Judiciário Militar, Ministro Almirante de Esquadra Marcus Vinicius Oliveira dos Santos.

Fotos: Sargento Bianca Viol / CECOMSAER

Assista ao vídeo aqui.